BT

Microsoft anuncia novas Funcionalidade para o Windows Azure durante o TechEd 2010

por Abel Avram , traduzido por Pedro Mariano em 14 Jun 2010 |

A Microsoft anunciou o Windows Azure  Tool para o Visual Studio 1.2 (Junho 2010) no TechEd 2010. Algumas das mais importantes funcionalidades são: suporte ao .NET 4, suporte ao Visual Studio 2010 RTM, e o IntelliTrace debugging. A Microsoft também anunciou um plano de cobrançås para o Azure CDN, e novas opções para o SQL Azure.

Windows Azure Tools para o Visual Studio

O Windows Azure Tools para o Visual Studio possibilita ao desenvolvedor criar, fazer debug, executar, construir e fazer deploy de aplicações web e serviços diretamente do Visual Studio para o Windows Azure. O último pacote suporta tanto o Visual Studio 2008 quanto o VS 2010 RTM. Outra novidade é que os desenvolvedores poderão escrever aplicações para a cloud que utilizem o .NET 4.0 invés do .NET 3.5 que já era suportado em versões anteriores. A lista completa das novas funcionalidades incluem:

  • Total suporte ao Visual Studio 2010 RTM
  • Suporte ao .NET 4
  • Cloud storage explorer para fazer com que os desenvolvedores tenham mais controle de suas aplicações e facilitar a construção de serviços através de tabelas do Windows Azure através do Visual Studio Server Explorer.
  • Deploy integrado, possibilitando ao desenvolvedor publicar seus serviços diretamente Visual Studio apenas selecionando "Publish" do Solution Explorer.
  • Monitoramento dos serviços para auxiliar o gerenciamento das aplicações através do Server Explorer
  • Suporte ao IntelliTrace para serviços que rodam no cloud, simplicando o processo de debug através  da funcionalidade Ultimate IntelliTrace do Visual Studio 2010. Para mais informações verifique esse post.

Windows Azure CDN A Microsoft também anunciou o plano de cobrança para o Windows Azure CDN que começa no dia 30 de Junho:

  • $0.15 por GB de dados transferidos da Europa e America do Norte
  • $0.20 por GB de dados transferidos de outras localidades
  • $0.01 por 10.000 transações

O Windows Azure CDN está presente em 5 continentes, América do Norte, América do Sul, Europa, Ásia e Oceania.

Atualização automática do Guest OS

A API de Gerenciamento de Serviços e o portal do desenvolvedor foram reforçadops para possibilitar aos desenvolvedores a ter uma opção para que o Azure Guest OS seja automaticamente atualizado para a mais nova versão disponível.

SQL Azure

O limite para um banco de dados SQL Azure foi aumentado de 10GB para 50GB, possibilitando aos clientes guardarem mais dados. O SQL Azure agora suporte dados espaciais ou dados de localização, possibilitando operações de mapeamento.

A Microsoft também anunciou o prévia pública do Data Sync Service, que possibilita aos desenvolvedores decidir como distribuir os dados através dos múltiplos datacenters.

Olá visitante

Você precisa cadastrar-se no InfoQ Brasil ou para enviar comentários. Há muitas vantagens em se cadastrar.

Obtenha o máximo da experiência do InfoQ Brasil.

Dê sua opinião

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber menssagens dessa discussão
Comentários da comunidade

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber menssagens dessa discussão

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber menssagens dessa discussão

Dê sua opinião

Conteúdo educacional

Feedback geral
Bugs
Publicidade
Editorial
InfoQ Brasil e todo o seu conteúdo: todos os direitos reservados. © 2006-2013 C4Media Inc.
Política de privacidade
BT