BT

SpringSource vFabric Framework para Aplicações Cloud

por Michael Hunger , traduzido por Anderson Duarte Vaz em 13 Set 2010 |

A estratégia e infraestrutura da computação em cloud da VMWare

Na conferência VMWorld 2010 em São Francisco, a VMWare apresentou sua nova visão para o futuro da computação corporativa: Levar tudo para dentro do cloud. Não somente os serviços de aplicação mas também ambientes Desktop e data-centers locais corporativos.

A VMWare apresentou uma série de produtos e tecnologias que devem possibilitar as corporações expandirem seus departamentos de TI para uma plataforma de serviço do tipo "TI como serviço" . O próximo passo na virtualização deve possibilitar fornecedores de TI a prover dinamicamente os recursos necessários para os usuários e demandas de negócio.

Estações de trabalho funcionarão principalmente como terminais acessando dados, aplicações e poder computacional estarão distribuídos entre data centers locais ou globais, se necessário.

O componente principal é o VMWare View (v4.5) que fornece um gerenciamento de estações de trabalho e arquitetura de entrega que usa ambos, recursos distribuídos e locais de processamento de máquina. Para serviços de TI, a VMWare View oferece uma aplicação simplificação, estação de trabalho, recurso e gerenciamento de usuário para organização de qualquer tamanho.

A crescente preocupação com segurança, principalmente com o aumento da conectividade e acessibilidade de dados corporativos via rede pelas aplicações será abordado pelo vShield Endpoint que possui centralizada proteção contra vírus oferecendo mecanismos de proteção para hard-e-software de uma variedade de fornecedores.

Para criar data-centers virtuais (VDC) fora dos já existentes recursos corporativos e permitir integração com existentes e futuras infraestruturas cloud's é oferecido o vCloud Director, construído com base na fundação do VMWares vSphere. Ele extende as capacidades de pooling de recursos, fornecendo um datacenter integrado desvinculado dos recursos locais.

ThinApp (v4.6) irá fornecer um ambiente neutro para execução de aplicações que permitirá aplicativos individuais e pacotes serem executados em qualquer plataforma devido a essa estar abstraída por uma camada de virtualização. Isso não somente provê portabilidade e usabilidade contínua de aplicações existentes, mas também melhora a segurança por efetivamente as encapsular. Um interessante próximo passo poderia ser extender essa camada de abstração de tempo de execução por aplicativo, com uma granularidade fina como projetos ou documentos para aumentar a segurança.

No futuro um usuário individual estará no núcleo do consumo de serviços de TI. Não dispositivos e aplicações mas sim o usuário e suas permissões e os dados e processos que ele deseja acessar definirão o foco. Para habilitar esse uso centrado em serviços do usuário, a VMWare introduziu o Horizon, uma global e segura identidade de usuário cloud que extende a identificação de usuário corporativo existente por integrar diretórios locais e globais pela utilização de serviços.

Especialmente usuários de dispositivos móveis poderão utilizar todo potencial das estações de trabalho virtualizadas. Por fornecer modo offline, conectividade de rede não será necessária todo tempo.

VMVare vFabric - Plataforma para Desenvolvimento de Aplicações em Cloud da SpringSource

A InfoQ conversou com Shaun Connoly, VP de Gerenciamento de Produtos na SpringSource VMWare sobre esse desenvolvimento e especialmente sobre o papel do SpringFramework com a futura plataforma para aplicações cloud (vFabric) e as consequências para os Desenvolvedores Java.

Para toda linha de serviços de aplicação que as corporações oferecem internamente e para seus consumidores, a estratégia da VMWare é baseada no Java. Mais especificamente a infraestrutura fornecida pelo Spring Framework que tem como objetivo se tornar o mesmo tipo de framewrok universal para desenvolvimento de aplicações para aplicações cloud que está no mundo corporativo JavaEE de hoje.

As razões são óbvias. A VMWare quer entrar no mundo dos desenvolvedores de grande porte que mundialmente existem no desenvolvimento Java e que já são familiares com o Spring. O Java escala muito bem em hardwares virtuais enquanto a complexidade da configuração é mantida sobre controle. Esse é o motivo que a VMWare não foca em ambientes clusterizados - o qual eles veêm como uma abordagem falha - mas sim em escalabilidade fácil e coleções conectadas de servidores de aplicação leves na forma do tc server. O Tc server é uma oferta da springsource que adiciona gerenciamento adicional, monitoração e outras preocupações com suporte para o Apache Tomcat.

Aquisições recentes da SpringSource/VMWare incluem as soluções de gerenciamento da Hyperic, o sistema de mensageria RabbitMQ, a infraestrutura de caching GemFire. Esses estão ou serão integrados para extender a oferta da escalável plataforma de desenvolvimento de aplicações para cloud do Spring.

A integração firme com a infraestrutura do VMWare permite que a máquina em tempo de execução se adapte as mudanças de carga, recursos atribuídos e cenários de falha.

Em um nó típico do VMWare cerca de 3-5 tc servers estarão executando simultaneamente o que podem executar cerca de 10 Java(EE) medianos podem cada um. O ERS a versão corporativa do Apache Web, gerencia o balanceamente de carga. A escalabilidade será conseguida criando novos nós, JVMs, ERS ou tc servers dependendo da carga de distribuição e disponibilidade.

OSGi e o dm server não serão uma parte do núcleo de uma plataforma leve, isso porque a VMWare transferiu a propriedade dessas tecnologias para o Projeto Virgo sobre a guarda do Eclipse.

O foco do Spring será trocar de uma arquitetura de integração com a JPA como o único subsistema de armazenamento para uma arquitetura mais aberta que permita integração entre serviços via REST, Mensageria, Spring Integration, grandes processamentos em lote e cacheamento de dados (também Terracotta e Coherence) e usar uma grande linha de soluções SQL e NoSQL simultaneamente para armazenar, processar e oferecer acesso a grandes quantidades de dados. Todos os códigos de produção serão auto instrumentados para se beneficiar da dispobilidade das estatisticas de tempo de execução e capacidades de gerenciamento.

Citando Rod Johnson, o criador do Spring:

Com o crescimento da virtualização e os frameworks modernos de desenvolvimento, uma fundamental, mais produtiva e portável abordagem para desenvolver novas aplicações emergiu, nós estamos entrandos em uma nova era onde os desenvolvedores podem construir ótimas aplicações e instalá-las imediatamente em uma moderna plataforma que se provisiona e se configura sob demanda e inteligentemente executa e escala a aplicação baseada em determinadas políticas.

Desenvolvimento rápido será possível pelo Spring Roo que atuará como gerador de código e uma abordagem ao desenvolvimento interativo. Ele permitirá a definição de passos de instalação que mais tarde serão replicados para qualquer número de máquinas virtuais e instancias de aplicações e servidores.

Atualmente não existe nenhuma JVM dedicada para a plataforma cloud da VMWare. A VMWare adicionou várias otimizações nas máquinas virtuais existentes para seu ambiente de execução.
O foco principal depende da integração em monitoramento e coleta de informações de tempo de execução que então podem ser usadas para decisões de escalabilidade e visualização usando o Spring Insight o qual pode ser habilitado no ambiente de produção.

A webinar (EMEA) foi disponibilizada pela SpringSource em 29/09 para fornecer mais idéias sobre a plataforma vFabric.

Olá visitante

Você precisa cadastrar-se no InfoQ Brasil ou para enviar comentários. Há muitas vantagens em se cadastrar.

Obtenha o máximo da experiência do InfoQ Brasil.

Dê sua opinião

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber menssagens dessa discussão
Comentários da comunidade

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber menssagens dessa discussão

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber menssagens dessa discussão

Dê sua opinião

Conteúdo educacional

Feedback geral
Bugs
Publicidade
Editorial
InfoQ Brasil e todo o seu conteúdo: todos os direitos reservados. © 2006-2014 C4Media Inc.
Política de privacidade
BT