BT

Xamarim obtém o direito de continuar com o Mono e produtos relacionados

por Abel Avram , traduzido por José Filipe Neis em 22 Jul 2011 |

O projeto Mono está de volta ao lugar onde nasceu. Miguel de Icaza e seu time, agora na Xamarin, obtiveram todos os direitos legais para dar continuidade ao Mono e aos demais projetos relacionados graças a um acordo com a SUSE, empresa que agora faz parte do The Attachmate Group.

O objetivo do anúncio realizado pela Xamarin na última semana, no qual a empresa declarava sua intenção de contratar consultores, ficou clara quando a SUSE, uma ex-divisão da Novell, anunciou um acordo com a Xamarin concedendo direitos irrestritos e perpétuos sobre toda a propriedade intelectual dos produtos Mono, MonoTouch, Mono for Android e Mono Tools for Visual Studio. Em troca, a Xamarim dará suporte aos clientes SUSE que utilizam produtos baseados em Mono. Além disso, a administração do projeto open source Mono também passa para as mãos da equipe de Icaza.

Ambos os lados saem ganhando com este acordo: a SUSE conseguirá honrar suas obrigações de suporte com atuais e futuros clientes que utilizam produtos Mono, enquanto a Xamarin pode continuar com o desenvolvimento do Mono e seus produtos relacionados sem o risco de ser processada no futuro.

Miguel de Icaza anunciou a Xamarin Store, uma loja virtual onde desenvolvedores podem comprar os produtos MonoTouch for iOS e Mono for Android. Além disso, a Xamarim vai assumir o controle do MonoDevelop e dos demais projetos relacionados ao Mono no GitHub.

Em paralelo, um novo roadmap está sendo definido para o MonoTouch e para o Mono for Android. As prioridades imediatas são a correção de bugs e o desenvolvimento de itens solicitados por clientes. Em seguida será iniciado o trabalho de incorporar ao MonoTouch e ao Mono for Android o código desenvolvido pela Xamarin nos últimos 2-3 meses. Jerry Stedfast, um dos desenvolvedores do Mono, declarou que o merge do código já foi iniciado:

Nós voltamos a trabalhar no código fonte original do MonoTouch e do Mono for Android, mas ainda faremos o merge de coisas que fizemos melhor no xtouch/xandroid no MonoTouch e no Mono for Android, respectivamente (para as versões MonoTouch 5.0 e Mono for Android 2.0).

No médio e longo prazo, a Xamarin planeja prover, entre outras coisas, suporte ao iOS 5, programação assíncrona com C#, MonoGC para iPhone e interoperabilidade com C++, além de uma API multiplataforma que permita rodar o mesmo código nos principais sistemas operacionais móveis: iOS, Android e Windows Phone 7.

Olá visitante

Você precisa cadastrar-se no InfoQ Brasil ou para enviar comentários. Há muitas vantagens em se cadastrar.

Obtenha o máximo da experiência do InfoQ Brasil.

Dê sua opinião

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber mensagens dessa discussão
Comentários da comunidade

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber mensagens dessa discussão

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber mensagens dessa discussão

Dê sua opinião

Conteúdo educacional

Feedback geral
Bugs
Publicidade
Editorial
InfoQ Brasil e todo o seu conteúdo: todos os direitos reservados. © 2006-2014 C4Media Inc.
Política de privacidade
BT