BT

O hall da fama da Internet

por Abel Avram , traduzido por Rafael Sakurai em 25 Mai 2012 |

A Sociedade da Internet (Internet Society - ISOC) é uma organização sem fins lucrativos, fundada em 1992 para "promover o desenvolvimento aberto, a evolução e o uso da Internet para beneficiar todas as pessoas ao redor do mundo". A entidade anunciou os indicados para a inauguração do Hall da Fama da Internet, na conferência Global INET 2012 ocorrida em Geneva, Suíça, reconhecendo 33 pioneiros e visionários pelas suas contribuições importantes na criação e desenvolvimento da Internet.

Os indicados são votados por um comitê da Sociedade da Internet, este comitê é formado por pessoas de vários países em diversos segmentos da indústria. A seguir temos os indicados listados por ordem alfabética e divididos em três categorias: Pioneiros - design inicial e desenvolvimento da Internet; Conectores Globais - ajudaram a expandir o alcance da Internet; e os Inovadores - contribuidores significativos para o crescimento global e uso da Internet.

Pioneiros

Paul Baran - indicação póstuma, inventou a técnica da troca de pacotes.

Vint Cerf - também conhecido como o "Pai da Internet," junto com Robert Kahn, Leonard Kleinrock, e Larry Roberts, Vint Cerf é o co-designer do protocolo TCP/IP e da arquitetura da Internet.

Danny Cohen - escreveu a primeira aplicação para troca de pacotes, executada na ARPANET.

Steve Crocker - fez parte da equipe de desenvolvimento dos protocolos da ARPANET.

Donald Davies - indicação póstuma, cunhou o termo "pacote" e foi um dos inventores da troca de pacotes na rede de computadores.

Elizabeth Feinler - pioneira e a primeira gerente da ARPANET e da então rede de dados do departamento de defesa norte-americano (Defense Data Network - DDN).

Charles Herzfeld - diretor da ARPA nos anos 60, supervisionando a decisão para criar a ARPANET.

Robert Kahn - co-inventor dos protocolos TCP/IP e responsável pela origem dos programas de Internet da DARPA.

Peter Kirstein - iniciou o primeiro nó europeu da ARPANET, com conectividade transatlântica de IP.

Leonard Kleinrock - pioneiro na teoria matemática do tráfego de pacotes.

John Klensin - envolvido no trabalho de processo inicial e definição da administração de DNS e definições de domínio de alto nível.

Jon Postel - indicação póstuma, envolvido no projeto da ARPANET com uma importante contribuição na criação do TCP/IP, SMTP e DNS.

Louis Pouzin - reconhecido por participar da padronização inicial das atividades com IFIP, ISO e CCITT, e o design e criação da rede de computadores CYCLADES e sua rede de troca de datagramas empacotados, que é derivada do TCP/IP.

Lawrence Roberts - montou o design e gerenciou a primeira troca de pacotes em rede, a ARPANET.

Conectores Globais

Randy Bush - fundou a Network Startup Resource Center (NSRC), uma organização dedicada a implantação das tecnologias de rede ao redor do mundo.

Kilnam Chon - teve um papel importante no desenvolvimento inicial da Internet em toda Ásia, tal como o SDN (1982).

Al Gore - advogado que argumentou a favor da legislação que financiou a expansão e o aumento do acesso público da Internet.

Nancy Hafkin - pioneiro e inovador na área de redes, desenvolvimento da informação e comunicação eletrônica distribuída, para construir a rede ITC da África.

Geoff Huston - introduziu a Internet na Austrália, construindo a primeira rede no começo dos anos 90.

Brewster Kahle - fundador e diretor da Internet Archive, uma biblioteca digital gratuita com os arquivos (cópia das páginas) da World Wide Web.

Daniel Karrenberg - ajudou a construir a EUnet, o primeiro provedor de serviço de Internet (Internet Service Provider - ISP) para a maioria dos países da Europa nos anos 80.

Toru Takahashi - teve uma contribuição importante na introdução da Internet no Japão e Ásia nos anos 90.

Tan Tin Wee - fundou o sistema de nomes de domínios (DNS) da Internet multilingue, que tem sido fundamental na internacionalização.

Inovadores

Mitchell Baker - uma contribuidora importante e fundadora do projeto Mozilla, promovendo aplicações open source para a Internet.

Tim Berners-Lee - inventou a World Wide Web baseada em URIs, HTTP e HTML em 1989, escrevendo o primeiro cliente e servidor web em 1990.

Robert Cailliau - trabalhou com o Tim Berners-Lee em um sistema de hipertexto para acesso a documentação, que depois se tornou a WWW.

Van Jacobson - escreveu o algoritmo do TCP, usado em 90% das hospedagens da Internet, para resolver problemas de tráfego dos dados.

Larry Landweber - projetou a rede chamada TheoryNet (1977), um sistema de emails para os cientistas da computação. Ele fundou o projeto Computer Science Network (CSNET).

Paul Mockapetris - inventou o DNS em 1983.

Craig Newmark - fundador da Craiglist, mudando a forma como as pessoas anunciam nos classificados e transformando os anúncios em uma grande indústria baseada na Internet.

Raymond Tomlinson - inventou o email e decidiu usar o caracter de '@' ('at' em Inglês) nos endereços de email.

Linus Torvalds - criador do Linux e apoiador dos projetos open source.

Philip Zimmermann - inventor do Pretty Good Privacy (PGP), um programa de encriptação para email.

Dados estatísticos: estes indicados são de nove países diferentes, onze são PhDs, onze têm livros publicados, um vencedor do Oscar, um vencedor do prêmio Emmy, um graduado em direito, um vencedor do prêmio Nobel e um foi nomeado Cavaleiro pela rainha Elizabeth.

A Sociedade da Internet convida os entusiastas a enviarem nomes para os candidatos de 2013.

Olá visitante

Você precisa cadastrar-se no InfoQ Brasil ou para enviar comentários. Há muitas vantagens em se cadastrar.

Obtenha o máximo da experiência do InfoQ Brasil.

Dê sua opinião

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber menssagens dessa discussão

Roy Fielding by Rafael Nunes

Faltou uma mais que merecida menção a Roy Fielding
pt.wikipedia.org/wiki/Roy_Fielding

Re: Roy Fielding by Marco Lima

Como também não deixaria de lado Larry Wall

en.wikipedia.org/wiki/Larry_Wall

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber menssagens dessa discussão

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber menssagens dessa discussão

2 Dê sua opinião

Conteúdo educacional

Feedback geral
Bugs
Publicidade
Editorial
InfoQ Brasil e todo o seu conteúdo: todos os direitos reservados. © 2006-2014 C4Media Inc.
Política de privacidade
BT