BT

Início Notícias C# 8: Atributos genéricos

C# 8: Atributos genéricos

Favoritos

Os atributos têm sido parte do .NET desde o início. Como tal, eles foram criados antes dos genéricos serem introduzidos (e nunca serem capturados), o que significa que, para se referir a um tipo no atributo, é necessário expor um parâmetro ou uma propriedade Type. Por exemplo,

[TypeConverter(typeof(X))]

Existem algumas limitações para esse padrão. No exemplo acima, X deve ter um construtor sem parâmetros e herdar de TypeConverter. Isso não pode ser imposto pelo compilador, portanto, o desenvolvedor não será alertado sobre erros até o tempo de execução.

Se, em vez disso, usarmos um parâmetro de tipo genérico, as restrições podem ser aplicadas reforçando a regra em tempo de compilação. E a sintaxe será um pouco mais limpa.

[TypeConverter<X>]

Em teoria, a proposta para permitir atributos genéricos é uma mudança muito simples. O CLR já suporta o conceito; é apenas uma questão de expô-lo nas linguagens .NET. Porém teoria e prática muitas vezes não combinam e só porque o CLR supostamente suporta isso, não significa necessariamente que o faça. Jan Kotas explica:

Acho que a natureza desse problema é semelhante as ref locals e returns. Os ref locals e returns não são chaveados por nenhuma API. Devem funcionar bem com o tempo de execução, ferramentas e bibliotecas existentes na teoria. Na prática, não funcionam muito bem porque expõem bugs e limitações preexistentes porque os caminhos que os manipulam nunca foram exercitados ou não eram explicitamente esperados. Os bugs e problemas relacionados a retornos de referência estão apenas começando a aparecer, pois as pessoas estão começando a usar o recurso e a encontrar locais onde o mesmo não funciona. Eu acho que isso é bom e esperado. Deveríamos reconhecê-lo, e não reagir a ele, retrocedendo o recurso como fizemos para os construtores de valuetype padrão há algum tempo atrás.

Esse recurso é bem parecido. Não há nada no ECMA que proíba os atributos genéricos, e eles devem funcionar muito bem na teoria. Na prática, eles não funcionam. Várias partes do sistema precisam ser atualizadas para que funcionem bem:

  • Há mais do que um runtime para se preocupar como você disse (Mono, CoreRT, framework completo);
  • Algumas das ferramentas que operam em IL provavelmente também serão afetadas (compiladores, ferramentas baseadas em Cecil ou baseadas em CCI2);
  • Novas APIs para acessar os atributos genéricos talvez sejam necessárias (por exemplo, as APIs de reflexão existentes não permitem que você acesse os atributos genéricos com eficiência - você deve sempre enumerar).

Uma limitação desta proposta é que os atributos devem ser "fechados" em tempo de compilação. Para ilustrar o que isso significa, aqui está um exemplo de um atributo genérico aberto da proposta.

[SomeAttribute<T>]
public void DoSomething<T>(T input) { }

Como T não é definido em tempo de compilação, a reflexão não saberá o que retornar para essa expressão.

typeof(GenericClass<>).GetMethod("DoSomething").GetCustomAttributes()

Status

Atualmente, o recurso atributos genéricos é listado no roadmap C# 8 com o status "Em andamento".

Avalie esse artigo

Relevância
Estilo/Redação

Olá visitante

Você precisa cadastrar-se no InfoQ Brasil ou para enviar comentários. Há muitas vantagens em se cadastrar.

Obtenha o máximo da experiência do InfoQ Brasil.

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Comentários da comunidade

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

BT

Seu cadastro no InfoQ está atualizado? Poderia rever suas informações?

Nota: se você alterar seu email, receberá uma mensagem de confirmação

Nome da empresa:
Cargo/papel na empresa:
Tamanho da empresa:
País:
Estado:
Você vai receber um email para validação do novo endereço. Esta janela pop-up fechará em instantes.