BT

Início Notícias Criando uma Startup fora do Vale do Silício - Entrevista com Rachel Carlson da Guild Education

Criando uma Startup fora do Vale do Silício - Entrevista com Rachel Carlson da Guild Education

Favoritos

Na Develop Denver 2019, a palestrante Rachel Carlson, falou sobre a decisão de criar uma startup de tecnologia fora de São Francisco. No início houve certa resistência por parte dos investidores, mesmo assim ela acredita que manter a sede da Guild Education em Denver, no Colorado, lhe proporcionou muitos benefícios. Especificamente, ela avalia a comunidade de desenvolvedores ativos em Denver um modelo de como tecnólogos estão usando suas habilidades para criar soluções que ajudam a todos.

A Guild Education, foi fundada em 2015 com a missão de "desbloquear oportunidades para força de trabalho nos Estados Unidos através de educação". A finalidade é ajudar empregados a utilizar da melhor maneira os benefícios relacionados a educação oferecidos pelos empregadores. Como a Certified B Corporation, uma empresa com fins lucrativos que tem um claro objetivo em gerar impacto positivo na comunidade. De acordo com Carlson, as universidades investem dinheiro comprando espaço para propagandas no Google e no Facebook, com a finalidade de se fazer conhecida para os estudantes, porém repassam esses custos para os estudantes com altas mensalidades. Carlson acredita que a tecnologia pode ser utilizada para melhorar essa situação e outros sistemas ineficientes, adicionalmente acredita que Denver pode ser a cidade em que a comunidade tecnológica assume a liderança no tratamento de problemas sociais.

O InfoQ convidou a Carlson para discutir sobre sua experiência como fundadora de uma startup de tecnologia longe do Vale do Silício, e suas percepções a diversidade, inclusão e as empresas de tecnologia.

InfoQ: Quando pessoas pensam em startups de tecnologia, assume-se que sua sede será em São Francisco e Vale do Silício. Você considerou iniciar sua empresa na costa oeste?

Rachel Carlson: A Guild originalmente foi fundada no campus da Stanford's (Stanford é uma universidade de pesquisa privada situada em Palo Alto, Califórnia), mas com o crescimento da empresa seria necessário uma mudança física. Havia um comprometimento em edificar a Guild numa cidade onde houvesse talentos técnicos as quais estavam comprometidos em construir uma empresa de tecnologia de alto crescimento e que ao mesmo tempo esses talentos, se sentissem motivados com a missão da Guild's. A cidade de Denver foi escolhida em 2016, acredito firmemente que Denver é uma cidade com pessoas ambiciosas, motivadas e que querem ter um alto impacto, e um grande crescimento na carreira, sem sacrifícios.

InfoQ: O que a motivou a escolher Denver, Colorado, no meio do país para sediar sua empresa? Onde mais você considerou?

Carlson: Como natural do Colorado, eu sabia que os talentos de Denver eram iguais, se não melhores, quando comparados com outras cidades. Eu também conhecia o espírito empreendedor de Denver e sabia que era um lugar onde um negócio emergente poderia prosperar. Outras cidades também foram consideradas como Portand e Austin, mas Denver se destacou por ser uma cidade que atrai novos talentos.

Postamos descrições de trabalho para nossa primeira grande contratação, o cargo de diretor de engenharia, e Jessica Rusin foi identificada como a melhor candidata, ela era de Denver o que também ajudou a persuadir nossa equipe para nos mudarmos para a cidade. Ela (sim, nossa diretora de engenharia, era uma mulher) hoje é vice-presidente sênior de engenharia da Guild, e foi a primeira de um time de 40 pessoas, em três anos.

InfoQ: Quando escolheu a cidade para iniciar sua empresa, quais eram os fatores importantes a serem considerados? Quais foram os prós e contras que você avaliou por estar estabelecendo sua empresa em Denver?

Carlson: Existem vantagens por Denver ser uma cidade costeira, as pessoas podem desfrutar de bons empregos, atividades ao ar livre, menos dores de cabeça como tráfego intenso, creches e escolas de alta qualidade e um baixo custo de vida. Antes de 2015, era um desafio convencer nossos novos investidores a sair do Vale do Silício, mas agora o cenário é outro e há inclusive investidores encorajando startups a se estabelecer em locais como Denver por exemplo.

InfoQ: Poderia descrever o "modelo de negócios de linha dupla" da Guild e como você, como CEO, equilibra os objetivos às vezes contraditórios de obter lucro e causar impacto?

Carlson: Na Guild somos comprometidos a prover oportunidades para 64 milhões de americanos que não possuem diploma ou não estejam matriculados numa universidade. Acreditamos que todos necessitam ter a oportunidade de um futuro melhor, uma oportunidade provida em partes por educação e aprendizados ao longo da vida. Mais importante, acreditamos que as empresas não deveriam ter de escolher entre lucro e missão. Ao trabalhar conosco para oferecer programas de benefícios educacionais, os parceiros empregadores da Guild reconheceram que podem fazer o bem, fazendo bem aos funcionários - cumprindo as metas de negócios e criando experiências valiosas para os funcionários.

InfoQ: Quais desafios você enfrentou por ser uma mulher fundadora de uma empresa de tecnologia? Você viu alguma coisa melhorar ao longo dos anos?

Carlson: Estamos orgulhosos por ter um grupo incrivelmente diversificado de pessoas trabalhando na Guild, com uma divisão de 50/50 homens / mulheres e uma equipe de liderança que é majoritariamente feminina. Isso nos deu uma perspectiva única de como criar uma força de trabalho diversificada, na qual as vozes de todos são ouvidas e incorporadas nos processos de tomada de decisão.

InfoQ: Qual conselho você daria a mulheres e demais pessoas sub-representadas tentando liderar uma empresa de tecnologia?

Carlson: Na Guild, acreditamos que o talento é igualmente distribuído, mas as oportunidades não.

Como empreendedores, temos sorte de trabalhar com investidores que acreditam no mesmo. Isso vem sendo de suma importância à medida que a empresa vem crescendo, desta forma também encorajamos outros fundadores a procurarem parceiros e investidores que acreditam nos valores da empresa tanto quanto no valor do investimento!

Avalie esse artigo

Relevância
Estilo/Redação

Conteúdo educacional

Olá visitante

Você precisa cadastrar-se no InfoQ Brasil ou para enviar comentários. Há muitas vantagens em se cadastrar.

Obtenha o máximo da experiência do InfoQ Brasil.

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Comentários da comunidade

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

BT

Seu cadastro no InfoQ está atualizado? Poderia rever suas informações?

Nota: se você alterar seu email, receberá uma mensagem de confirmação

Nome da empresa:
Cargo/papel na empresa:
Tamanho da empresa:
País:
Estado:
Você vai receber um email para validação do novo endereço. Esta janela pop-up fechará em instantes.