BT

Início Notícias O que é “Tech for Good” e por que é importante

O que é “Tech for Good” e por que é importante

Favoritos

Os grupos Tech for Good oferecem oportunidades para se conectar com pessoas que compartilham uma visão positiva do futuro e procuram maneiras de utilizar a tecnologia para obter um impacto positivo. Ellen Ward palestrou sobre o Tech for Good na Women in Tech Dublin 2019, onde apresentou como o Tech for Good é na realidade, explicando a sua importância e como as pessoas podem se envolver.

O Tech for Good Dublin é um grupo que acredita no poder da tecnologia para impactar positivamente as pessoas, comunidades e o planeta. O grupo se preocupa com o futuro e quer ajudar a garantir que a tecnologia seja usada como força para mudanças positivas. Faz parte do movimento global Tech for Good, que busca compartilhar a mensagem de que a tecnologia é uma ferramenta para todos e que todos somos partes interessadas no futuro da tecnologia.

A tecnologia deve ser projetada e disponibilizada para todas as pessoas, para que seja o mais inclusiva possível desde o início, disse Ward. O Tech for Good Dublin tem como objetivo encontrar tópicos inspiradores que incentivem o pensamento criativo e a colaboração. Com esta visão, o grupo analisou as tecnologias usadas em crianças, idosos e pessoas com autismo ou dislexia, por exemplo. Ao compartilhar boas notícias, os eventos e comunicações visam ampliar vozes desconhecidas e promover o importante trabalho dos responsáveis pela mudança em nossas comunidades.

Ward explicou como o Tech for Good age como um antídoto para as notícias negativas que ouvimos todos os dias sobre os impactos da tecnologia que podem nos causar danos hoje ou amanhã. As pessoas adoram experimentar novas tecnologias e fazer perguntas sobre como funcionam, inclusive gostam de falar sobre como as ideias podem ser transformadas em realidade e os desafios que podem ocorrer ao longo do caminho. É uma forma fantástica de aprender e se conectar com outras pessoas.

O InfoQ entrevistou Ellen Ward, chefe de sistemas de informação (interina) da Concern Worldwide e cofundadora da Tech for Good Dublin, após a palestra na Women in Tech Dublin 2019.

InfoQ: Como é seu envolvimento no Tech for Good Dublin?

Ellen Ward: Sou co-fundadora, juntamente com Máirín Murray. Projetamos e executamos os eventos (não remunerados em nosso tempo livre) para focar em projetos com propósitos alinhados a nossa visão e mostrar como as pessoas estão usando a tecnologia para resolver problemas do dia a dia.

Ao destacar o projeto Tech for Good, podemos influenciar a evolução da tecnologia e incentivar as pessoas a recuperar um pouco do poder tecnológico. Nosso grupo é aberto a qualquer pessoa, damos as boas-vindas a pessoas que não são da área técnica, especialmente, e incentivamos discussões abertas e inclusivas, bem como redes de membros e projetos voluntários derivados.

Desde que começamos em março de 2017, reunimos mais de 1.700 membros online e estamos orgulhosos de dizer que nos tornamos um grupo entusiasmado e diversificado de pessoas que compartilham uma missão comum.

InfoQ: O que o Tech for Good já realizou?

Ward: O Tech for Good Dublin já realizou 21 eventos e distribuiu mais de 1.080 ingressos gratuitos para pessoas que desejam aprender mais sobre o projeto. Não temos orçamento e dependemos de doações em espécie (espaço na sala, bolachas, etc.) e oradores voluntários. Houve uma incrível boa vontade para o grupo, mostrando que as pessoas acreditam que é importante.

Fazemos parte de um movimento global. Sabemos de grupos surgindo em todo o mundo, como Auckland, Denver, Los Angeles, Orlando, Cardiff, Birmingham, Brighton, Nápoles e Lisboa, além do Quênia, Nepal e Madagascar. Existe um modelo definido a seguir, os grupos interagem e respondem aos próprios interesses e necessidades da comunidade.

Em Dublin, fazemos isso compartilhando histórias de pessoas reais que fizeram e fazem a mudança acontecer. Exemplos que destacamos incluem um professor de geografia, que introduziu a Realidade Virtual nas salas de aula para ajudar os alunos a se envolverem com o mundo natural, uma equipe que construiu uma plataforma para ajudar as lojas de caridade a vender os muitos livros doados, um aplicativo para ajudar as crianças com Dislexia com os estudos e a conectar-se com outras pessoas, e uma luz inteligente para bicicletas, que ajuda os planejadores da cidade a melhorar a infraestrutura de ciclismo.

InfoQ: Que tipo de tópicos o Tech for Good procura?

Ward: Estamos sempre encontrando novos tópicos para discutir. Por exemplo, um novo aplicativo foi lançado para ajudar as pessoas a aprender e usar a língua de sinais irlandesa e teremos os criadores palestrando no nosso evento, explicando como o aplicativo surgiu e demonstrando como funciona, com um exercício prático.

Então para outro evento, encontrei palestrantes que usam tecnologia como sensores, dados de fontes coletivas e IA para gerenciar e proteger abelhas nas colméias e na natureza. Quando comecei a pesquisar, encontrei muitos projetos de abelhas usando a tecnologia, e acho que será uma sessão bem interessante.

InfoQ: O que fazem para ter grupos inclusivos?

Ward: Algumas das coisas simples que fizemos desde o início para incentivar grupos inclusivos incluem: garantir que tenhamos 50% de mulheres palestrantes e procuramos pessoas cujas vozes normalmente não são conhecidas. Não cobramos os eventos, pois não queremos que ninguém sinta que o dinheiro é uma barreira à participação. Não há pré-requisitos para se envolver, as pessoas não precisam ter habilidades tecnológicas, apenas um interesse no que estamos falando. Oferecemos um fórum descontraído e amigável, no qual ninguém se afasta e todos podem contribuir, se assim o desejarem. No final de cada evento, perguntamos se alguém na sala quer falar sobre o próprio trabalho ou pedir ajuda, compartilhar o currículo, convidar pessoas para outro evento, e essa é uma ótima maneira de aprender mais sobre o que é acontecendo em nossa cidade.

Também pedimos feedback constantemente e tentamos melhorar e evoluir com o grupo à medida que cresce. O evento Women in Tech é uma ótima maneira de conversar com mais pessoas sobre o que poderíamos fazer com o grupo no futuro. Por isso, pedirei feedback aos participantes também!

InfoQ: Como as pessoas fazem para contribuir com o Tech for Good?

Ward: Bem, em Dublin, podem vir até nós! O grupo Tech for Good Dublin MeetUp é o melhor lugar se quiser conhecer todos os eventos futuros e também pode nos seguir no Twitter em @tech4gooddublin.

Quem quiser, pode assistir o TEDx, no qual falamos sobre o Tech for Good: Comunidade + Tecnologia = Mudança Social Positiva.

Se alguém estiver interessado em iniciar um grupo Tech for Good em algum outro lugar da Irlanda ou em outros lugares, recomendamos, pois é uma ótima maneira de conhecer pessoas fascinantes e iniciar conversas interessantes. Tudo que precisa é de um pouco de tempo livre e uma sala que possa usar. Tudo o que pode encontrar online ou conversando com um dos grupos já criados em cidades ao redor do mundo pode ser utilizado para começar.

Avalie esse artigo

Relevância
Estilo/Redação

Olá visitante

Você precisa cadastrar-se no InfoQ Brasil ou para enviar comentários. Há muitas vantagens em se cadastrar.

Obtenha o máximo da experiência do InfoQ Brasil.

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Comentários da comunidade

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

BT

Seu cadastro no InfoQ está atualizado? Poderia rever suas informações?

Nota: se você alterar seu email, receberá uma mensagem de confirmação

Nome da empresa:
Cargo/papel na empresa:
Tamanho da empresa:
País:
Estado:
Você vai receber um email para validação do novo endereço. Esta janela pop-up fechará em instantes.