BT

Início Testes de Aceitação no InfoQ Brasil

Notícias

Feed RSS
  • A ferramenta de BDD Cucumber não é uma ferramenta de teste

    Cucumber foi criado como uma forma de superar os requisitos ambíguos e mal entendidos, atingindo tanto membros não técnicos como técnicos da equipe de um projeto. A idéia de que o Cucumber é uma ferramenta de testes é enganosa, diz Aslak Hellesøy, que criou o Cucumber em 2008.

  • Agile: Falta competência nos testes

    Lições aprendidas por Fran O'Hara durante a integração detestes em equipes ágeis, em particular a de garantir que as competências necessárias estão presentes. Integrar o ciclo de teste em uma equipe ágil não é tão simples como misturar alguns testadores na equipe, ao invés disso múltiplas práticas de trabalho e habilidades são necessárias para entregar aplicações de qualidade no mundo ágil.

  • Confirmado Dev In Rio 2010

    O Dev In Rio, evento idealizado e organizado primeiramente por Guilherme Chapiewski e Henrique Bastos e que teve a sua primeira edição em 2009 contará com uma nova edição este ano.

  • TDD: Por onde começar meus testes?

    TDD é uma técnica bastante utilizada hoje por diversos times. Porém essa forma de iniciar sua funcionalidade pelo teste deve começar por qual parte do nosso projeto? Se estivermos utilizando uma abordagem MVC devemos começar pelos controladores, pela tela ou pelo modelo?

  • Categorizando testes com Junit 4.8

    É bastante comum existir testes de diversas categorias em um projeto, testes de integração e testes unitários são as categorias mais comuns. Em alguns casos, é necessária uma categorização destes testes, diferenciando um dos outros, seja no modo de rodar ou mesmo nas características peculiares dos mesmos. A nova versão do Junit 4.8 faz com que isso seja feito de uma forma natural e fácil.

  • Jim Shore Diz Que Testes de Aceitação Automatizados Não São A Escolha Certa

    Você que está começando nesse novo mundo ágil. Já deve ter escutado sobre a orientação de escrever testes automatizados, pois bem, alguns dos mesmos especialistas por trás dessa regra estão agora propondo o oposto: não automatize esses testes.

  • Testes de aceite automatizados: aliados ou inimigos?

    Cada dia discute-se mais sobre a necessidade de testes de aceite automatizados. Muitos o defendem dizendo que são extremamente essenciais para o cliente e para a equipe, enquanto outros são extremamente contra e defendem o não uso deles devido principalmente a problemas de manutenabilidade e tempo.

  • Sprints de Estabilização, um Mal Necessário ou um Puro Desperdício?

    Dushy tem ouvido falar sobre Sprints de Estabilização e ficou pensando se elas eram a norma no mundo ágil. Sprints de Estabilização são uma porção de sprints adicionais ao final do ciclo normal de desenvolvimento e antes da entrega do produto. Como o nome sugere, elas costumam ser incluídas como uma última oportunidade de explorar o produto numa última busca por bugs.

  • Testes de Aceitação com Horas e Datas

    Testes Unitários com Tempo e Datas são muitas vezes tratados como um problema com soluções relativamente simples. Mais difícil são os testes de aceitação com Tempo. Quais estratégias são usadas?

  • Testes de Aceitação Automatizados de fácil Manutenção

    Testes automatizados frágeis acabam por levar as empresas a abandonar as iniciativas de automatização, de acordo com Dale Emery. Em um artigo recém-publicado, Dale compartilha algumas iniciativas práticas para se evitar problemas com automatização de testes. Ele começa com algum código típico de automatização e o evolui de forma a torná-lo mais robusto e menos custoso de se manter.

  • Automação de Testes de Aceitação – Teoria ou Prática

    Existem relatos esporádicos do sucesso em escrever requisitos e automatizá-los como teste de aceitação. Até agora essa prática é utilizada por uma minoria da comunidade. A automação de testes de aceitação escritos no início de cada interação seria somente uma afirmação teórica que se mostrou ineficaz pela falta de utilização?

  • Top 10 Motivos para Amar Teste Ágil

    Quais são as dez razões para os testadores amarem testes Ágeis? Kay Johansen recentemente fez esta pergunta e obteve algumas respostas dos principais testadores.

  • A viagem de um homem numa Jornada com Pair Programming

    Corey Haines recentemente embarcou em "uma excursão de Pair Programming" de uma única pessoa na região central dos EUA. Agora, Haines postou um vídeo de entrevistas revelando muitos dos insights que conseguiu sobre pares, testes automatizados e a evolução do conceito de “artesão de software” enquanto compartilha o teclado nas casas de Dave Chelimsky, Brian Marick, Uncle Bob Martin entre outros.

  • Testes de Aceitação Orientados a Exemplos

    Testes unitários de de integração muitas vezes tem mais importância em equipes Ágeis se comparado com os testes de aceitação. Gojko Adzic e Lisa Crispin sugerem abordagens para eficientemente inlcuir os testes de aceitação como parte do desenvolvimento.

BT

Seu cadastro no InfoQ está atualizado? Poderia rever suas informações?

Nota: se você alterar seu email, receberá uma mensagem de confirmação

Nome da empresa:
Cargo/papel na empresa:
Tamanho da empresa:
País:
Estado:
Você vai receber um email para validação do novo endereço. Esta janela pop-up fechará em instantes.