BT

Início Depuração no InfoQ Brasil

  • C# 5.0 terá sintax sugar para operações assíncronas

    O time de desenvolvimento de .NET da Microsoft anunciou nessa última semana que a próxima versão da linguagem C# terá uma nova sintaxe, mais enxuta, para realizar operações assíncronas.

  • FXCop 10 foi distribuído com o Windows 7.1 SDK

    Para os desenvolvedores .NET que desejam ter uma análise de código a rigor sem a necessidade de gastar dinheiro com o Visual Studio Premium, o FXCop é a ferramenta que estava faltando.Porém o FXCop 1.36 foi retirado do Microsoft Downloads sem nenhum aviso, muitos desenvolvedores foram pegos de surpresa. Felizmente a ferramenta ainda está disponível, basta saber onde procurar.

  • Código Temporário, Código Sustentável e tudo entre eles

    Existe código que é bem testado, bem refatorado e escrito por último. Também existe código que é planejado para ser jogado fora em poucos dias. Entre esses dois extremos, existe um grande meio termo. O código na área intermediária é escrito com o objetivo de ser melhorado depois, o que nunca acontece.

  • Manutenabilidade de Testes Unitários

    Um dos princípios básicos das metodologias ágeis é fazer testes para seu software. Recentemente o Jay Fields postou em seu blog sobre a manutenabilidade de testes unitários, que as vezes podem atrapalhar a manutenção e a adição de novas features na aplicação. Pode-se melhorar essa manutenalidadade utilizando boas práticas.

  • MacRuby 0.5 Lançado

    MacRuby 0.5 foi lançado, com uma nova VM, e suporte para AOT e JIT.

  • Testes com Selenium

    Que testes são fundamentais no processo de desenvolvimento de software, todo mundo já sabe, mas a decisão de uma empresa em como realizá-los é algo que influencia diretamente a qualidade do produto e a produtividade da equipe. A InfoQ Brasil buscou saber o porque dessa popularidade, veja a opinião de Igo Coelho, que utiliza o Selenium como principal ferramenta na disciplina de testes do software.

  • Spec# e Boogie Disponíveis no CodePlex

    O código fonte do Spec# está disponível no CodePlex pela Microsoft Research Shared Source License Agreement. Esta licença restringe a utlização para fins não comerciais. E a ferramenta de verificação de código chamada Boogie foi lançada pela Microsoft Public License, a qual está em conformidade com o padrão Free/Open Source.

  • Dicas de Depuração em Falhas de Testes com Selenium

    Enquanto Selenium tem ganhado muita aceitação como uma ferramenta útil para automatizar testes browser-level (diretamente nos navegadores), encontrar a causa da falha nos testes pode levar um bom tempo. Daniel Wellman, compartilhou dois de seus melhores truques para reduzir drasticamente o tempo de depuração de testes que falham.

  • Código de Qualidade nas Equipes

    Malik Jaibeer postou uma introdução de como endereçar e introduzir código de qualidade dentro de uma equipe. Sua série de posts podem ser úteis pra quem estiver em uma situação na qual se queira aprender mais para si mesmo ou apresentar essas idéias para outros. A série oferece uma visão geral breve do tema e aponta várias direções para se estudar mais.

  • FireAtlas: Visualizador ASP.NET AJAX

    FireAtlas é uma extensão do Firebug dedicada ao debug de aplicações ASP.NET AJAX. Como extensão, o FireAtlas requer a instalação do FireFox e FireBug, mas provê transparência em diversos aspectos de uma aplicação ASP.NET AJAX.

  • Depuração do histórico no Visual Studio 2010

    Em algum momento você já quis saber o que seu programa estava fazendo há 5 minutos? Já se perguntou quais arquivos ele estava abrindo no lugar daqueles que você gostaria que ele abrisse? Isso agora é possível com o Visual Studio 2010.

  • Análise de performance de WebSites com neXpert

    O neXpert é um add-on patrocinado pela Microsoft para o popular Fiddler web debugging proxy. O neXpert extende as capacidades de teste de performance do Fiddler e simplifica o processo de encontrar problemas de performance em aplicações Web. A versão 1.0 foi recentemente liberada e está disponível para download através da Microsoft.

  • Fiddler Web Debugging Proxy

    O Fiddler é um proxy gratuito que faz logs de chamadas HTTP(S) no computador cliente.Ele oferece uma interface com usuário rica que é capaz de fazer inspeção de requisições e respostas, definição de breakpoints e alteração de dados que estão entrando e saindo.

  • Arthropod – Um Debugger Flash e AIR

    Ferramentas de debbugging são essenciais para o desenvolvimento de software em qualquer linguagem de computador e ambiente de tempo de execução. A plataforma Adobe Flash para desenvolvimento baseado em aplicações ricas para a internet (RIA), e também no Flex e ou AIR, não são exceções. Enquanto o Flex/Air está amadurecendo, mais ferramentas de debbuging estão surgindo. Arthropod é uma delas.

  • Esqueça o seu Debugger, Use o "Saff Squeeze"

    Kent Beck, um dos pais do XP, TDD, e do JUnit, conta uma história sobre rastrear defeitos através de uma nova funcionalidade do JUnit, JunitMax, com testes unitários ao invés de um debugger. Ele explica um método apresentado a ele pelo atual líder do desenvolvimento do JUnit, David Saff, onde um teste unitário de alto nível é embutido até que um teste conciso passa a existir na raiz do defeito.

BT

Seu cadastro no InfoQ está atualizado? Poderia rever suas informações?

Nota: se você alterar seu email, receberá uma mensagem de confirmação

Nome da empresa:
Cargo/papel na empresa:
Tamanho da empresa:
País:
Estado:
Você vai receber um email para validação do novo endereço. Esta janela pop-up fechará em instantes.