BT

Go: a próxima linguagem no Google App Engine

por Eder Magalhães em 17 Mai 2011 |

O Google anunciou suporte a mais uma linguagem no App Engine. Depois de Python e Java, agora é a vez de Go, uma linguagem open source criada e utilizada pelo Google. O App Engine, a plataforma de cloud computing do Google para desenvolvimento e hospedagem de aplicativos,  foi inicialmente disponibilizada com suporte à linguagem Python. Em 2009, passou a suportar Java e agora disponibiliza o kit de desenvolvimento (SDK) para a linguagem Go.

O anúncio feito na semana passada, durante o Google I/O 2011, demonstra o interesse do Google em expandir o uso da linguagem. O suporte a Go, por enquanto, é experimental: embora seja possível realizar o download do SDK e desenvolver utilizando a linguagem, não será possível ainda implantar um projeto desenvolvido em Go no App Engine.

Para os desenvolvedores mais ansiosos, o Google disponibilizou um formulário de inscrição para testadores, com objetivo de aumentar o feedback do uso e agilizar as correções de bugs. Segundo o equipe do Go, o SDK é "auto-suficiente", ou seja, não é necessária nenhuma instalação prévia do Go, o que torna mais simples o uso da linguagem.

No SDK do Go, é possível encontrar várias APIs comuns nos ambientes Java e Python, como por exemplo Datastore, Blobstore, URL Fetch, Mail e Users. O ambiente suporta todas as funcionalidades da linguagem Go e a maioria das suas bibliotecas. As exceções são as APIs que não fazem sentido dentro do ambiente do App Engine. Um exemplo de API não suportada é o pacote unsafe, que permite a inclusão de operações que violam a tipagem do sistema. Além disso, apesar de suportarem channels e goroutine (funcionalidades para concorrência), aplicativos Go no App Engine são capazes de processar apenas uma thread por instância.

O novo SDK está disponível para Linux e Mac OS X. Para demonstrar sistemas baseados na linguagem rodando no App Engine, o time do Go desenvolveu o Moustachio, uma aplicação lúdica que permite desenhar um bigode em uma imagem carregada. Os fontes dessa aplicação podem ser acessados no Google Code.

Foi ainda criado um grupo de discussão, o google-appengine-go, para as pessoas interessadas na evolução do Go dentro do App Engine. Também está disponível a documentação da SDK com um guia introdutório para desenvolvedores experimentarem o uso do Go. Para conhecer as melhores práticas no uso da linguagem, o guia Effective Go é uma excelente referência e a especificação permite conhecer cada detalhe da linguagem.
 

Avalie esse artigo

Relevância
Estilo/Redação

Olá visitante

Você precisa cadastrar-se no InfoQ Brasil ou para enviar comentários. Há muitas vantagens em se cadastrar.

Obtenha o máximo da experiência do InfoQ Brasil.

Dê sua opinião

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber mensagens dessa discussão

Go by Fernando Ribeiro

Ainda não consegui desenvolver nada útil em Go, mas gostei de saber que vou poder usar a GAE como caixa de areia daqui para a frente.

Seria Go uma apólice de seguros ? by Josir Gomes

Fico pensando: por que criar uma linguagem MUITO semelhante a Java ?

Seria uma apólice de seguros caso as ações da Oracle na justiça não sejam favoráveis a Google de alguma forma ?

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber mensagens dessa discussão

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber mensagens dessa discussão

2 Dê sua opinião
Feedback geral
Bugs
Publicidade
Editorial
Marketing
InfoQ Brasil e todo o seu conteúdo: todos os direitos reservados. © 2006-2016 C4Media Inc.
Política de privacidade
BT

We notice you’re using an ad blocker

We understand why you use ad blockers. However to keep InfoQ free we need your support. InfoQ will not provide your data to third parties without individual opt-in consent. We only work with advertisers relevant to our readers. Please consider whitelisting us.