BT
x Por favor preencha a pesquisa do InfoQ !

Novo framework do Google para iOS e Mac incentiva uso de APIs

por Alex Chiaranda em 01 Set 2011 |

O Google disponibilizou um novo framework para Objective-C, para acesso a suas APIs. O foco é em facilitar e incentivar o uso em dispositivos iOS (iPad, iPod Touch e iPad). Com a mudança do padrão para tráfego de dados de Atom para JSON, o acesso a rede foi otimizado. Há também ganhos em segurança e em suporte de ferramentas.

Lembrando que o Google oferece um conjunto de APIs abrangente, em várias linguagens, para acesso aos seus serviços, incluindo email, calendário, busca e contatos; a lista completa pode ser encontrada no Catálogo de APIs. Com a nova implementação, chamada Google APIs Client Library for Objective-C, os desenvolvedores para MacOS e iOS passam a ter acesso mais eficiente a esses serviços.  

A versão anterior da biblioteca se comunicava utilizando o padrão Atom, o que não era um processo simples em plataformas móveis, pois o Atom usa o XML para o tráfego de dados, consumindo largura de banda significativa. Com isso, devido à capacidade limitada de processamento e memória dos dispositivos – e principalmente a velocidade de rede reduzida – os desenvolvedores optavam por não utilizar as bibliotecas disponíveis.

A nova biblioteca resolve essa limitação. Foi otimizada para rodar em dispositivos móveis e se comunica com os serviços do Google utilizando JSON. Isso otimiza o uso da rede e o tempo de processamento das respostas. Outra mudança significativa foi a substituição da autenticação tradicional com usuário e senha, em favor do OAuth2, aumentando a segurança.

Além disso, é disponibilizada uma API de alto nível em Cocoa 2.0 para os serviços no Google APIs Discovery Service, com setters para todos os campos disponíveis em cada serviço. Isso possibilita utilizar o autocomplete de código do XCode, facilitando o desenvolvimento.

A biblioteca já está disponível nos repositórios do Google, e é compatível com iOS 3 e Mac OS X 10.5, ou versões superiores. Em alguns casos, pode ser necessário criar uma chave (API key) para a sua aplicação, como já acontece em vários serviços do Google. Uma boa introdução mostra como baixar e utilizar a biblioteca.

Avalie esse artigo

Relevância
Estilo/Redação

Olá visitante

Você precisa cadastrar-se no InfoQ Brasil ou para enviar comentários. Há muitas vantagens em se cadastrar.

Obtenha o máximo da experiência do InfoQ Brasil.

Dê sua opinião

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber mensagens dessa discussão
Comentários da comunidade

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber mensagens dessa discussão

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber mensagens dessa discussão

Dê sua opinião
Feedback geral
Bugs
Publicidade
Editorial
Marketing
InfoQ Brasil e todo o seu conteúdo: todos os direitos reservados. © 2006-2016 C4Media Inc.
Política de privacidade
BT

Percebemos que você está utilizando um bloqueador de propagandas

Nós entendemos porquê utilizar um bloqueador de propagandas. No entanto, nós precisamos da sua ajuda para manter o InfoQ gratuito. O InfoQ não compartilhará seus dados com nenhum terceiro sem que você autorize. Procuramos trabalhar com anúncios de empresas e produtos que sejam relevantes para nossos leitores. Por favor, considere adicionar o InfoQ como uma exceção no seu bloqueador de propagandas.