BT
x Por favor preencha a pesquisa do InfoQ !

Sistemas embarcados: Testes de software e arquitetura em alta

por Michael Stal , traduzido por Rafael Sakurai em 26 Abr 2012 |

Em uma edição recente da revista Chip Design, foi apontado um grande crescimento de sistemas portáveis e sem fio, além do aumento de relevância dos softwares embarcados, fato que representa grande desafio. Nesses sistemas, a qualidade precisa de atenção especial, principalmente nos sistemas críticos em segurança. Portanto, as ferramentas de testes para sistemas embarcados se tornarão cada vez mais importantes, conclui a revista.

Está havendo grande aumento de relevância do software, nos sistemas embarcados. O software é o elemento principal de aplicações para Smart Grid, sistemas de controle de automação e de dispositivos móveis como smartphones ou tablets. Até mesmo os carros em alguns países estão passando a participar de uma grande rede com uma variedade de nós de rede sobre uma tecnologia de middleware como o AutoSAR.

Com o ganho em importância do software, a arquitetura e a qualidade se tornam fatores críticos. Na pesquisa "Mercado global de software embarcado 2010-2014", a TechNavio apontou preocupações como esta. E sem a disponibilidade de ferramentas apropriadas para testes de software, o crescimento do mercado de software embarcado pode estar em risco.

Brian Hunt, Diretor de Operações da Parasoft, enfatiza no seu artigo da Chip Design:

Os seus dispositivos estão, de alguma forma, conectados a alguma coisa. Portanto o desenvolvedor precisa saber com quais dispositivos será feita conexão; pode precisar conhecer detalhes sobre a segurança do dispositivo. Há muitos conceitos relacionados à conectividade com os quais o desenvolvedor precisa se preocupar.

Avalie esse artigo

Relevância
Estilo/Redação

Olá visitante

Você precisa cadastrar-se no InfoQ Brasil ou para enviar comentários. Há muitas vantagens em se cadastrar.

Obtenha o máximo da experiência do InfoQ Brasil.

Dê sua opinião

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber mensagens dessa discussão
Comentários da comunidade

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber mensagens dessa discussão

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber mensagens dessa discussão

Dê sua opinião
Feedback geral
Bugs
Publicidade
Editorial
Marketing
InfoQ Brasil e todo o seu conteúdo: todos os direitos reservados. © 2006-2016 C4Media Inc.
Política de privacidade
BT

Percebemos que você está utilizando um bloqueador de propagandas

Nós entendemos porquê utilizar um bloqueador de propagandas. No entanto, nós precisamos da sua ajuda para manter o InfoQ gratuito. O InfoQ não compartilhará seus dados com nenhum terceiro sem que você autorize. Procuramos trabalhar com anúncios de empresas e produtos que sejam relevantes para nossos leitores. Por favor, considere adicionar o InfoQ como uma exceção no seu bloqueador de propagandas.