BT

Como Desenvolvimento Ágil tem afetado os Testes Tradicionais

| por Savita Pahuja Seguir 2 Seguidores , traduzido por Artur Diniz Samora Seguir 0 Seguidores em 28 jul 2014. Tempo estimado de leitura: 2 minutos |

As práticas ágeis estão quebrando as organizações de testes tradicionais. Os desenvolvedores ágeis realizam constantemente mais testes portanto os profissionais de controle de qualidade precisam se envolver nas operações diárias da equipe de desenvolvimento conforme mencionou em seu blog, Diego Lo Giudice, analista especialista da Forrester Research, sobre como o desenvolvimento ágil vem afetando os testes tradicionais.

Deigo explica que a nesta tendência, os profissionais de QA (controle de qualidade) devem focar em práticas avançadas de teste.

Eles precisam se adaptar à mudança de circunstâncias, se aprofundando nas práticas avançadas como desenvolvimento orientado a testes, melhora da automação de testes, build e integração contínua, tendo assim um impacto significativo sobre as atividades do dia-a-dia de desenvolvedores e testadores.

Diego também afirma que a separação entre as equipes de teste e de desenvolvimento não se enquadra no ambiente de trabalho ágil:

Quando as equipes de teste são separadas do desenvolvimento, é normal que profissionais de qualidade tentem encontrar o maior número de erros possíveis - mas só após os desenvolvedores terem escrito o código. (...)

Segregar profissionais de qualidade de desenvolvedores torna difícil para integrar o seu trabalho em um fluxo de entrega contínua.

Lisa Crispin, co-autora do livro "Agile Testing: A Practical Guide for Testers and Agile Teams", falou sobre Mudar a sua mentalidade de testes na Conferência Booster, Bergen, Noruega, 2014. Lisa focou em uma maior colaboração entre desenvolvedores e profissionais de qualidade.

Ao invés da mentalidade: "Estamos aqui para encontrar erros ou garantir o a implementação dos requisitos ou quebrar o software" (...)

Pense em "Como vamos incluir a qualidade no software no processo de desenvolvimento" ?

Deigo aponta as razões para os testes tradicionais serem superados pelos testes ágeis.

  1. Grandes volume de atividade manuais de teste atrasam a entrega.
  1. As equipes só começam a testar quando o sistema tenha sido desenvolvido e integrado. Infelizmente, os projetos muitas vezes atrasam, então os times comprimem e sacrificam as atividades no final do projeto.
  1. As equipes criam muita dívida técnica. Um assassino infalível da entrega no prazo é descobrir no final do ciclo de desenvolvimento que sua aplicação possui grandes problemas de qualidade. Descoberta tardia de defeitos leva a altos índices de retrabalho e desperdício.

Devido a estes motivos, é importante uma mudança no modo de testar para que se enquadre no desenvolvimento ágil. Essas mudanças nas práticas de teste também alteram a forma como as equipes de desenvolvimento selecionam ferramentas de teste. Deigo compartilhou suas visões sobre ferramentas de teste:

Os desenvolvedores querem ferramentas que se conectem facilmente em seus ambientes de desenvolvimento (IDEs), enquanto QAs e outros profissionais de software preferem ferramentas que oferecem um maior nível de abstração e facilidade na utilização.

E você leitor? Acredita que o desenvolvimento ágil realmente afetou a forma que se testa software? Ou não concorda com a posição de Diego Lo Giudice?

Avalie esse artigo

Relevância
Estilo/Redação

Olá visitante

Você precisa cadastrar-se no InfoQ Brasil ou para enviar comentários. Há muitas vantagens em se cadastrar.

Obtenha o máximo da experiência do InfoQ Brasil.

Dê sua opinião

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber mensagens dessa discussão

Bacana. by Lucas Ribeiro

Muito bom o seu ponto de vista. Concordo.

Ponto de vista unilateral by Moacyr José

Como pertenço a área de qualidade e testes discordo parcialmente do texto, uma vez que fundir o processo de testes e garantia de qualidade com o processo de desenvolvimento nem sempre é o melhor caminho.

O autor do texto demonstra certa ignorância (no sentido de desconhecer) dos processos de testes uma vez que faz algumas afirmações que já não são a realidade de um depto de testes há anos... Veja por exemplo:

1 - Grandes volume de atividade manuais de teste atrasam a entrega.

-> O problema não está no modelo de testes atual e sim em uma dinâmica de testes que está mais focada na produção de evidências do que na execução de testes. O único documento obrigatório na execução dos testes é um bom plano de testes, que deve ser elaborado com base no escopo detalhado do produto final.


2 - As equipes só começam a testar quando o sistema tenha sido desenvolvido e integrado. Infelizmente, os projetos muitas vezes atrasam, então os times comprimem e sacrificam as atividades no final do projeto.

-> Esse cenário demonstra de forma definitiva o desconhecimento do autor ou o nível de amadorismo da área responsável pela execução dos testes, assim como, a falta que um bom gerente de projetos faz na empresa onde essa situação ocorre.

Projetos de desenvolvimento devem ser faseados em pedaços menores, funcionalidades que podem ser testadas de forma isolada onde o OK da área de testes sinaliza o início de outra fase. No caso de projetos críticos, essas fases podem ser inclusive trabalhadas em paralelo, onde os bugs detectados em uma fase são incluídos como entregas da fase seguinte. Tudo isso é tão básico que realmente me causa estranheza esse tipo de afirmação assim como o amadorismo aqui relatado.

3 - As equipes criam muita dívida técnica. Um assassino infalível da entrega no prazo é descobrir no final do ciclo de desenvolvimento que sua aplicação possui grandes problemas de qualidade. Descoberta tardia de defeitos leva a altos índices de retrabalho e desperdício.

-> De fato, desenvolver todo um projeto e depois testar é como construir um prédio de 18 andares e depois fazer ensaios técnicos no concreto da fundação prá ver se ela está sólida o suficiente para suportar a carga estrutural do prédio. A engenharia civil tem nos ensinado muito a respeito da execução de testes e da garantia da qualidade.

Dividir o projeto em partes menores, executar testes unitários em cada uma das partes, garantir o funcionamento individual e ao fim juntar tudo e executar o teste integrado é o básico para a entrega de um software de qualidade.

Re: Ponto de vista unilateral by Renata Rodrigues

Disse tudo! Concordo com você!

É o fim da área de QA by Diego J R

Trabalho com metodologias ágeis de desenvolvimento desde 2008 e posso afirmar sem nenhuma sombra de dúvida que a área de QA não existe se a empresa quer ser realmente ágil.

Hoje em dia, além de usar uma metodologia ágil (scrum, kanban, lean, ...), é fundamental a implementação de um processo de delivery contínuo onde o entendimento e atuação na qualidade de software esteja disseminada por toda a equipe de desenvolvimento.

O ideal seria trabalhar com equipes multidisciplinares, mas mesmo cada um tendo maior conhecimento na sua área (qa, dev, web), é possível que todos tenham uma base de conhecimento semelhante de todos os skills.

Infelizmente o conhecimento sobre testes ágeis ainda é muito fraco principalmente pelos profissionais da área de Qualidade.

Concordo com o autor do texto onde ele diz que os profissionais de qualidade tem de ser adequar às mudanças que chegaram com as metodologias ágeis pois senão tendem a se tornar obsoletos assim como a área de qualidade.

OBS.: Comecei minha carreira como analista de qualidade. Função que exerci por pelo menos 6 anos.

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber mensagens dessa discussão

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber mensagens dessa discussão

4 Dê sua opinião

Faça seu login para melhorar sua experiência com o InfoQ e ter acesso a funcionalidades exclusivas


Esqueci minha senha

Follow

Siga seus tópicos e editores favoritos

Acompanhe e seja notificados sobre as mais importantes novidades do mundo do desenvolvimento de software.

Like

Mais interação, mais personalização

Crie seu próprio feed de novidades escolhendo os tópicos e pessoas que você gostaria de acompanhar.

Notifications

Fique por dentro das novidades!

Configure as notificações e acompanhe as novidades relacionada a tópicos, conteúdos e pessoas de seu interesse

BT