BT

Início Notícias Experiências de trabalho com equipes ágeis distribuídas

Experiências de trabalho com equipes ágeis distribuídas

Favoritos

Não poder se conectar frequentemente com seus colegas face-a-face dificulta a comunicação em equipes distribuídas, disse Shabi Shafei, Scrum Master do ABN AMRO Bank. Ela apresentou como as equipes distribuídas podem se transformar em grandes equipes ágeis no Agile, Testing and DevOps Showcase 2019, em Amsterdã.

Os principais desafios que as equipes distribuídas enfrentam se devem à distância física entre os membros da equipe. Shafei afirmou que "é um desafio criar confiança e senso de propriedade quando não se vê seus colegas regularmente". Shafei também mencionou que as diferenças culturais são mais proeminentes em equipes distribuídas se comparadas as equipes convencionais.

Shafei mencionou que devemos nos concentrar em estabelecer as regras nas quais deseja-se na equipe. Ter acordos claros de equipe pode ajudar bastante; com os membros do time reunidos, formaliza-se as regras básicas sobre como se comunicar, onde armazenar as informações, quais as horas todos estarão disponíveis, etc. Ela também sugeriu que fosse dedicado um tempo para se visitar ou se reunir regularmente. Ela mencionou que visitou os membros de sua equipe na Índia no ano passado, o que acabou sendo um período muito valioso no qual ela experimentou a atmosfera de trabalho de seus colegas distribuídos.

Shafei apresentou cinco dicas importantes para ajudar as equipes distribuídas a se transformarem em grandes equipes ágeis:

  • Ative comunicação: use as ferramentas certas e os melhores canais de comunicação
  • Inicie do jeito certo: peça a todos os membros da equipe que irão trabalhar juntos, que fiquem fisicamente juntos em um determinado local por um curto período de tempo, ao menos durante a fase inicial do projeto.
  • Estabeleça as regras do jogo: deixe que a equipe defina as regras básicas necessárias para se tornarem mais eficazes e bem-sucedidas
  • Evite criar conglomerados de conhecimento: espalhe seu conhecimento de maneira uniforme entre os membros
  • Ter um programa de rotatividade: permita que os membros da equipe viajem por períodos de tempo para trabalharem juntos com seus colegas

Não existe retorno sem investimento, disse Shafei; não é possível ter equipes ágeis distribuídas de alto desempenho se não for feito investimentos significativos (de dinheiro, esforço e tempo). Ela também mencionou que nenhuma mudança ocorre se não houver mudança de mentalidade. Pode-se ter as ferramentas mais sofisticadas e visitas regulares dos membros entre si, mas se não houver pessoas com a mentalidade certa, o time não irá muito longe.

O InfoQ conversou com Shabi Shafei sobre sua experiência de trabalho com equipes ágeis distribuídas.

InfoQ: Como você estabelece acordos de equipe?

Shabi Shafei: Existem diversas maneiras de estabelecer acordos entre a equipe. A maneira mais comum é configurar uma reunião com o time. Certifique-se de que as ferramentas adequadas, como áudio, webcam e software de videoconferência, esteja funcionando corretamente para que todos possam participar. Como preparação, pode ser útil já identificar algumas "áreas" para as quais se precisa de acordos entre a equipe. Três áreas normalmente enfocadas são, comunicação (como iremos nos comunicar?), informação (que tipo de informação compartilhamos e como fazer?) e colaboração (como queremos trabalhar juntos?).

Durante a reunião, todos os membros do time podem fornecer informações para cada uma dessas três categorias usando um post digital (confira sites como o funretro, por exemplo). Certifique-se de que a reunião tenha um tempo adequado, que haja tempo para discussões e que as ações estejam bem formuladas. Depois que os acordos da equipe estiverem claros, certifique-se de que estejam visíveis (faça cartazes e os deixe em locais públicos) e revise-os regularmente com a equipe.

InfoQ: Por que é importante disseminar o conhecimento de maneira uniforme nos locais, e como você fez isso no ABN AMRO Bank?

Shafei: É extremamente importante evitar os chamados "blocos de conhecimento", onde todos os desenvolvedores juniores, por exemplo, estão em um local e todos os desenvolvedores seniores estão trabalhando em outro local.

Quando comecei pessoalmente com meu time distribuído, tivemos uma situação em que todos os desenvolvedores e analistas de negócios trabalhavam na Holanda, enquanto os testadores estavam localizados principalmente na Índia. Isso não era bom porque podia causar um sentimento de desigualdade entre os locais e pode ser mais difícil para todos os membros da equipe sentirem um senso comum de propriedade. Por isso, nos esforçamos para estruturar a equipe de forma que os dois locais fossem auto-suficientes o suficiente para desenvolver um software funcional. Fizemos isso mapeando as várias habilidades e áreas de especialização de cada local (Holanda e Índia) e identificando possíveis lacunas no conhecimento. O resultado dessa análise foi apresentado em uma reunião com a equipe, a fim de conseguir trazer um pouco mais de feedback. Depois, trabalhamos duro para garantir que quaisquer lacunas de conhecimento fossem preenchidas. Nós nos certificamos por exemplo, de que os membros da equipe que trabalham na Índia não estivessem apenas se concentrando nos testes, mas também envolvidos no desenvolvimento e análise de negócios. Essa mudança funcionou muito bem para a equipe, já que tanto a felicidade quanto a velocidade aumentaram após as mudanças.

InfoQ: O que você faz como um Scrum Master para facilitar as equipes distribuídas?

Shafei: Como Scrum Master, tento criar uma atmosfera de transparência e confiança, para facilitar a comunicação entre os membros da equipe. Juntamente com outros Scrum Masters, compartilhamos as melhores práticas e criamos abordagens em conjunto em relação à nossa estratégia distribuída ágil. Notei também que as equipes ágeis distribuídas têm relativamente mais impedimentos diários no qual preciso ajudar na solução, seja a ferramenta de videoconferência que não está funcionando ou ajudando a mediar o mal-entendido entre os membros.

Avalie esse artigo

Relevância
Estilo/Redação

Olá visitante

Você precisa cadastrar-se no InfoQ Brasil ou para enviar comentários. Há muitas vantagens em se cadastrar.

Obtenha o máximo da experiência do InfoQ Brasil.

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Comentários da comunidade

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

BT

Seu cadastro no InfoQ está atualizado? Poderia rever suas informações?

Nota: se você alterar seu email, receberá uma mensagem de confirmação

Nome da empresa:
Cargo/papel na empresa:
Tamanho da empresa:
País:
Estado:
Você vai receber um email para validação do novo endereço. Esta janela pop-up fechará em instantes.