BT
x Por favor preencha a pesquisa do InfoQ !

Oracle entrega o projeto OpenOffice.org para a comunidade

por Alex Blewitt , traduzido por Rodrigo Urubatan em 19 Abr 2011 |

A Oracle anunciou que o OpenOffice.org vai ser um projeto da comunidade e que vai parar a produção da versão com suporte comercial. Segundo um comunicado à imprensa da empresa, Edward Screven, Arquiteto Corporativo da Oracle, disse sobre a mudança:

"Acreditamos que o projeto OpenOffice.org será melhor gerenciado por uma organização focada em atender o público-alvo da aplicação de forma não-comercial. [...] Pretendemos começar imediatamente a trabalhar com os membros da comunidade para continuar aumentando o sucesso do OpenOffice. A Oracle vai seguir apoiando o uso de formatos de documentos baseados em padrões abertos, tais como o Open Document Format (ODF)."

Falta ainda saber o que acontecerá com o produto como um todo. Um fork da comunidade chamado LibreOffice, foi criado para separar a marca OpenOffice que pertence à Oracle, do software desenvolvido pela comunidade, para evitar possíveis problemas judiciais. Este fork é hospedado pela free document foundation, que adota uma estrutura e regras bem claras.

O progresso dessa comunidade, que também incluiu membros de outros apoiadores com interesses comerciais tais como a RedHat, significa que a evolução da suíte de escritório ultrapassou o desenvolvimento do produto comercial mantido pelos desenvolvedores da Oracle. Esta disparidade já existia antes da compra da Sun pela Oracle, mas a compra acelerou a mudança.

O mesmo cenário está causando a separação dos projetos Hudson e Jenkins. Assim como o OOo, a Oracle registrou o nome Hudson e os mesmos problemas de hardware foram o estopim para a criação do Jenkins. Mesmo a Oracle continuando a suportar o projeto Hudson com desenvolvedores, a maior parte dos membros da comunidade migrou para o Jenkins. A quantidade de commits nos dois projetos pode ser comparada nestes dois posts mostrando duas semanas depois e dois meses depois.

O abandono da variante comercial da Oracle e a transferência total do projeto para a comunidade pode ser insuficiente e tardio para resgatar o apoio da comunidade, a qual parece já ter feito sua escolha pelo LibreOffice.

Avalie esse artigo

Relevância
Estilo/Redação

Olá visitante

Você precisa cadastrar-se no InfoQ Brasil ou para enviar comentários. Há muitas vantagens em se cadastrar.

Obtenha o máximo da experiência do InfoQ Brasil.

Dê sua opinião

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber mensagens dessa discussão

Antes tarde do que nunca... by Michel Graciano

Este tipo de situação tende a prejudicar apenas o projeto. Eu pessoalmente espero que isso funcione e o projeto saia fortalecido deste processo, mas isso vai depender de como a comunidade vai receber os termos desta doação.

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber mensagens dessa discussão

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber mensagens dessa discussão

1 Dê sua opinião

Conteúdo educacional

Feedback geral
Bugs
Publicidade
Editorial
Marketing
InfoQ Brasil e todo o seu conteúdo: todos os direitos reservados. © 2006-2016 C4Media Inc.
Política de privacidade
BT

Percebemos que você está utilizando um bloqueador de propagandas

Nós entendemos porquê utilizar um bloqueador de propagandas. No entanto, nós precisamos da sua ajuda para manter o InfoQ gratuito. O InfoQ não compartilhará seus dados com nenhum terceiro sem que você autorize. Procuramos trabalhar com anúncios de empresas e produtos que sejam relevantes para nossos leitores. Por favor, considere adicionar o InfoQ como uma exceção no seu bloqueador de propagandas.