BT

Certificação: Entendendo como funciona a SCJP

Postado por Camilo Lopes em 04 Ago 2010 |

Errata (09/08/2010): Recentemente a Oracle anunciou mudanças em seu modelo de certificação para a SCJP 5, no que diz respeito a tempo e número de questões. Agora o tempo e o número de questões são idênticos entre a versão 5 e 6. A versão 5 agora possui 60 questões, com 180 minutos no total da prova e com um score mínimo de 58.33% para aprovação.


Certificação, assunto tão discutido hoje no mercado de desenvolvimento. Este que sofreu muitas criticas devido a sua real importância. De fato isso depende muito de quem faz e com qual intuito. Iremos abordar as principais dúvidas, não técnicas, de um programador ao fazer a certificação Java. Neste artigo  estaremos limitados a SCJP que é uma das mais comuns e desejadas pelos programadores Java.

Apresentaremos a importância de tirar a certificação SCJP, não pelo fato de título ou de ter um certificado para poder apresentar aos colegas, e sim o que se pode aprender com o conteúdo que é abordado na maratona rumo a SCJP. Eu costumo dizer que um profissional esperto vai saber “sugar” tudo que é possível durante os estudos, pois quem estudou de verdade ao chegar no final da maratona vai sair dela com a sensação de missão cumprida e sentir-se mais seguro sobre os conceitos de Orientação a Objetos e fundamentos Java que foram apresentados, uma vez que o exame é rigoroso com estes assuntos.

Existem certificações no mercado que dizem se de fato você é tão experiente quanto diz. Não é o caso da SCJP, mas chamei atenção para este ponto, pois muitos acreditam que uma certificação não tem muito valor e só experiência é o suficiente. Isso é uma variável, com base na área de atuação. Mas, cada uma com seu respectivo peso.

Antes de querer se tornar um SCJP é comum surgir dúvidas, umas que tive e acredito que muitos tenham são as seguintes:

  1. Por que ser certificado?
  2. Quem se importa?

Respostas que encontrei:

  1. É uma forma mais organizada para aprender Java, antes de querer “brincar” com algum framework ou decidir onde atuar JSE/JEE/JME. Além disso, tive a oportunidade de poder testar os conhecimentos que vinha adquirindo com O.O e Java com o fabricante da tecnologia.
  2. Há empresas que se importam em ter na equipe profissionais certificados, principalmente para apresentar aos seus clientes. Existe um mercado no Brasil que valorizam profissionais certificados, pode ser pequeno, mas existe. Ser certificado pode ajudar em um processo de seleção, então há headhunters que olham com mais carinho seu currículo e neste momento que você pode ganhar uma vaga, já que será selecionado para o processo mesmo que sua experiência profissional com a tecnologia seja inexistente.

Para Kathy Sierra (uma das desenvolvedoras do exame):

Passar no exame provará três itens importantes para o empregador atual ou futuro! Que você sabe das coisas; que sabe como estudar e se preparar para um teste desafiador; e acima de tudo que conhece a tecnologia a está de acordo com os objetivo cobrados para tal exame. Se um empregador tiver que optar entre um candidato que passou no exame e outro que não tenha passado ele saberá que o programador certificado não demorará no aprendizado.

Mas, e a SCJP?

É um exame fantástico que testa os conhecimentos na integra sobre: fundamentos da linguagem Java e O.O. O candidato pode escolher fazer o exame em português (SCJP 5) e inglês (SCJP 6). Veja abaixo mais detalhes sobre cada um: 

Para o exame SCJP 5 (vide errata 09/08)

Pré-requisito:Não tem

Idioma do exame: Disponível em português,inglês, entre outras.

Total de questões: 72  (vide errata 09/08)

Percentual para aprovação: 59%  (vide errata 09/08)

Tempo do exame:175 minutos  (vide errata 09/08)

Tipo do exame: Múltipla escolha e Drag-Drop (completar)

Para o exame SCJP 6

Pré-requisito:Não tem

Idioma do exame: Inglês

Total de questões: 60

Percentual para aprovação: 58.33%

Tempo do exame: 180 minutos

Tipo do exame: Múltipla escolha e Drag-Drop (completar)

O tempo é suficiente?

É comum o candidato perguntar se o tempo é suficiente, ele é mais do que suficiente, possibilitando o candidato a revisar todo o exame tranquilamente e ainda sobra alguns bons minutos antes de finalizar. Claro que isso é possível quando o futuro SCJP sabe ter controle do tempo em cada questão, recomenda-se gastar entre 3-4 minutos para as questões múltipla escolha e 6min para as de drag-drop. Este tempo não é padrão, pois há questões que é possível responder em 2min, mas há outras que requerem um pouco mais de atenção.

Qual fazer SCJP 5/6?

Essa é outra dúvida, sempre comento que é bom fazer o exame que você sente estar mais preparado, se já vinha estudando para SCJP 5 e acha que se mudar não vai atrapalhar seus estudos uma vez que terá que estudar o conteúdo que foi adicionado para 6, então faça à SCJP 6. Mas, do contrário continue no seu ritmo.

Para a SCJP 6 você precisa conhecer apenas três novas APIs que não estão na SCJP 5:java.io.Console, java.util.NavigableSet, java.util.NavigableMap.

E o mercado exige qual versão?

Bem, o mercado não é muito exigente com a versão, mas sempre é bom ter a mais recente ou tirar aquela que o mercado tem adotado. Então analise o mercado e veja qual versão ele vem adotando se for Java 5 então ser certificado a partir da versão 5 é interessante. Enfim, tenha sempre o mercado como referência.

Faço em inglês ou português?

É uma decisão às vezes difícil para alguns, mas isso quem vai dizer é você. Seja realista, como está o seu inglês? Apto para um exame desse nível? Apesar de ser um inglês técnico, mas uma interpretação mal feita, já perdeu a questão. Se tem dificuldades com o segundo idioma, então faça em português, não há problema algum e isso não afeta em nada no seu certificado ou processo seletivo. Não importa a forma que você aprendeu, o importante é o quanto você sabe. Pense nisso sempre.

Um detalhe que vale a pena ressaltar é que na versão em português as questões drag-drop e as palavras-chaves foram traduzidas, então se prepare para encontrar termos técnicos com tradução, mas nada que um pouco de analise para criar o relacionamento com o termo original. Veja alguns exemplos:

  • private traduzido para: privado
  • public traduzido para : publico
  • synchronized para sincronizado

Existem mais termos além dos apresentados que podem surgir, porém será na mesma linha que foi apresentada acima.

Oracle e as mudanças

É comum ver discussões nas comunidades falando a respeito de possiveis mudanças no conteúdo das certificações, agora que a Oracle está no comando. Até o momento a mesma tem informado que as nomeclaturas realmente devem passar por modificações, mas no caso da SCJP o conteúdo será mantido. Porém, na plataforma JEE mudanças estão por vim, como podemos ver na imagem a seguir:

Fonte: Oracle

Então se você está estudando para SCJP, pode manter seus estudos tranquilamente, ou se você é aquele está em cima do muro, sem saber se ainda compensa tirar esta certificação, podemos dizer que sim. Uma vez, que o conteúdo e a forma de aplicação do exame não serão alterados. Um ponto importante que não podemos deixar de mencionar é que mudanças nesses exames são custosas para a empresa e a Oracle não quis mudar aquilo que não precisa de fato ser mudado à ponto de ter um novo exame, um exemplo é a SCJP. Ao contrário do que ela planeja com JEE, que de fato já estava precisando de um update e a Sun estava devendo isso para nós.

Uma mudança que aconteceu é na solicitação dos vouchers, na época da Sun, bastava ligar para um 0800 ou comprar pelo site (em real R$) naquelas promoções de ultima hora, mas agora com a Oracle é diferente. A compra é feita direto no site da Prometric com o cartão de crédito. Então aquele boleto que recebiamos via e-mail pela “mãe Sun” acabou. O valor do exame também sofreu alteração, antes custava R$ 330,00 reais, agora este varia de acordo a região. No site da Oracle informa $300 dólares US. Mas, ela alerta que precisa ser verificado com a Prometric, porém não deixa de informar que este valor pode variar um pouco.

Tirar a certificação agora ficou um pouco mais caro e com algumas restrições que antes não tinhamos e que facilitava a vida de todos aqueles que não tem um cartão de crédito internacional e que podiam pagar os R$ 330,00 reais. Mas, mesmo assim é um investimento válido. Acredito que esta medida da Oracle, foi para valorizar mais a certificação tendo como base a lei da oferta e procura, ou seja, quanto menos certificados, mais se valoriza os que são e automaticamente isso vai recair sobre os produtos da própria empresa. Temos várias certificações desse tipo no mercado.

A Oracle disponibilizou neste link um guia sobre as certificações.

Como estudar?

A SCJP é um exame onde o candidato não precisa gastar muito dinheiro comparado com outras certificações existentes no mercado que por menos de R$ 4 mil você não consegue tirar a mais simples. No caso da SCJP se o candidato for auto-didata, ter disciplina, objetivo e ser persistente com certeza ele será um SCJP e com um custo financeiro menor. Há muito material hoje no mercado para estudo como livros, guias, artigos etc. E também há cursos preparatórios presenciais e online(mais não chega custar mais que 2 mil reais cada). Há pessoas que não tem como estudar em casa ou não gostam de ficar lendo livros, para esses recomendo fazer um curso que, nesse caso, é a melhor forma de preparação.

O livro mais recomendado é de uma das desenvolvedoras do exame a Kathy Sierra: Certificação Sun para programadores Java 5/6. Realmente o livro é fantástico com boa didática e cobre todos os objetivos.

Em maio/2010 lançei o “Guia do Exame para SCJP”. Este tem como objetivo de ser um “guia” você se tornar um SCJP, mostrando as possiveis pegadinhas existentes no exame, além de explicar os assuntos chaves através de códigos Java. Sempre recebo e-mails perguntando: É válido para SCJP 6? Sim. É valido tanto para 5 ou 6, uma vez que ele foi escrito tendo como foco os assuntos chaves do exame que são Orientação a Objetos, fundamentos Java, Threads etc. No exame real, espere por muitas questões envolvendo os assuntos citados, o que foi adicionado na versão 6, não corresponde nem a 20% das perguntas do exame. Recomendo que o candidato estude bastante Orientação a Objetos e fundamentos Java pois, ao fazer o exame "pegadinhas" sobre tais assuntos poderão vir a tona podendo comprometer o seu resultado final.

O Guia de bolso foi escrito com o objetivo de explicar de forma objetiva, através de códigos Java, os assuntos para a certificação SCJP. Não tem como objetivo ensinar a tecnologia Java e seus derivados. No livro você poderá encontrar:

  • exemplo de códigos: compila, não compila, lança exceções;
  • explicação dos códigos dentro de comentários Java a fim de chamar a atenção do leitor para o código;
  • as nomeações das classes não seguirão as recomendações da Sun. Isso para ser mais próximo do exame real;
  • uma leitura leve e descontraída.

Mais sobre o guia pode ser encontrado aqui.

É sempre legal também frenquentar fóruns como o GUJ e listas de discusssões, além de praticar bastante fazendo simulados e exercícios. Abaixo segue uma lista dos principais simulados que podem ser feitos e/ou utilizados como referência (alguns são de exames antigos, porém algumas perguntas se repetem).

Caso você conheça mais alguns simulados, por favor deixe seu comentário.

Conclusão

Enfim todo produto tem seu preço, a certificação para uns podem trazer retorno financeiro e para outros agregar conhecimento(que não deixa de gerar dinheiro se bem empregado) e para alguns não passou de um teste. Cabe a cada um ter um por que para tirar uma certificação. A SCJP realmente é uma certificação excelente, todos que passam por ela ao sair se sentem diferentes e um pouco mais confiantes. Costumo sempre dizer para aqueles que estão buscando uma oportunidade na área seja um estágio, programador jr. etc. Se não tem experiência procure as certificações. Mais, cedo ou mais tarde será recompensado. E se você já é um programador experiente por que não testar seus conhecimentos com uma das certificações?

Sorteio de um Exemplar

O sorteio foi realizado dia 13/08/2010. O vencedor foi o leitor Diogo Mordente.

Se você gostou do livro pode adquirir com desconto de 30% comprando no site da editora, com o seguinte código: V00014.


Sobre o Autor:

Trabalha com T.I desde 2003. Possui SCJP 5. Bacharelado em Análise de Sistemas, Pós-Graduando em Gestão Estratégia de Negócios. Atualmente trabalha como Analista Programador Java para uma empresa de grande porte. Vem atuando como Consultor TI orientando pequenas e médias empresas como aprimorar e ampliar seus negócios usando TI. Nas horas livres toca seus projetos como escritor para a editora Ciência Moderna. Além de escrever alguns artigos na Coluna Java para o IMasters. Também mantém um blog  www.camilolopes.com.br onde escreve periodicamente.

Olá visitante

Você precisa cadastrar-se no InfoQ Brasil ou para enviar comentários. Há muitas vantagens em se cadastrar.

Obtenha o máximo da experiência do InfoQ Brasil.

Dê sua opinião

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber mensagens dessa discussão

Certificação: Entendendo como funciona a SCJP by marcio duran

Primeiro, gostaria de dizer que fico feliz que profissionais brasileiros já estão com esse pensamento de escrever livros , acho que isso configura uma qualidade e experiência em assuntos especificos e objetivos em sua carreira profissional.

Quanto ao assunto Certificação é um paradigma frente ao profissional que em tese hoje atua em diversas tecnologias como um profissional poliglota, então isso é uma controvérsia sobre a Certificação Oracle/Sun, em pro da mão de obra o mercado exige e quer.

Se eu fosse avaliar um profissional hoje eu iria procurar saber que livros de Tecnologia ele busca como referência, que pensadores no mundo da Orientação a Objetos o mesmo mais se identifica, que blogs frequenta, se é ativo em comunidades e por ai vai.

É bom ficar atento sobre o Consultor Java onde sua responsabilidade, é focado para OutSourcing dando resposta rapidas e atendendo a clientes de outros países, que estão fazendo ponte sobre Empresas Grandes de TI, muitas dessas tem soluções já arquitetadas sobre TIBCO, SAP, Welogic usando J2EE sobre integração e no Design de Processo Soluções em BPMs,BPEL, e isso requer um nível cultural elevado tecnicamente onde é recorrente sobre o domínio da lingua Inglesa devido a Globalização e concorrência de mercado sobre soluções em software.

"...Me diga que livro você leu, e direi quem você é..."

Marcio Duran,

Fundador da Comunidade Java Livros
javalivros.wackwall.com

Re: Certificação: Entendendo como funciona a SCJP by Rafael Marques

é bem polêmico até o assunto, e até hoje não tenho uma opinião bem formada sobre o assunto. Porém acredito que toda forma de crescimento tanto pessoal quanto profissional é válida!

Re: Certificação: Entendendo como funciona a SCJP by Diogo Varella do Nascimento

Site com ótimo simulado

www.cert4j.com

Re: Certificação: Entendendo como funciona a SCJP by Guilherme Garnier

Acabei de entrar no site da Prometric, o SCJP está 500 dólares!

Re: Certificação: Entendendo como funciona a SCJP by Bruno P.

Acabei de olhar e estava $125,00 dólares para 5 e 6. Inclusive para outras certificações também.

Re: Certificação: Entendendo como funciona a SCJP by Guilherme Garnier

125 dólares? Onde você viu esse valor? Eu vi no site da Prometric, para mim continua aparecendo 500 dólares: www.register.prometric.com/Index.asp

Re: Certificação: Entendendo como funciona a SCJP by Bruno P.

Guilherme, quando você seleciona "Sun Microsystems" existem 2 opções em "Program", o primeiro é "SUN Academic Initiative (212)" e custa 500 dólares mesmo. Não posso afirmar com certeza mas acho que esse programa inclui aulas ou pelo menos um material adicional. A segunda opção "Sun Microsystems (310, 311)" que custa 125 dólares.

Achei isso aqui
There is no difference between the 212 and 310 exam series. After August 31, 2010, the 212 exams will no longer be available.
fonte: www.sun.com/solutions/landing/industry/educatio...

Vale a pena dar uma pesquisada melhor, estou sem tempo agora..

Re: Certificação: Entendendo como funciona a SCJP by Guilherme Garnier

É isso mesmo Bruno, obrigado pela dica.

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber mensagens dessa discussão

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber mensagens dessa discussão

8 Dê sua opinião

Conteúdo educacional

Feedback geral
Bugs
Publicidade
Editorial
InfoQ Brasil e todo o seu conteúdo: todos os direitos reservados. © 2006-2014 C4Media Inc.
Política de privacidade
BT