BT

Lei de Moore é muito lenta

por Charlie Martin , traduzido por Douglas Masson em 13 Jan 2009 |

Avanços em "cloud computing", clustering e para fins gerais da computação com utilidade de GPUs sugerem que o poder da computação por dólar pode ser aumentada significativamente mais rápido do que a Lei de Moore prevê.

A primeira semana completa de janeiro é sempre um momento emocionante na industria de informática. O Consumer Electronics Show e MacWorld trazem anúncios de novos produtos; empresas de informática que não são orientadas aos pequenos consumidores também tendem a fazer novos anúncios, a fim de não ficar fora da mídia. Nessa semana, vários anúncios sugerem que um modelo mais distribuido de "cloud computing" orientará a arquitetura de grandes sistemas, aumentando rapidamente o poder computacional para o usuário ainda mais do que a Lei de Moore poderia sugerir.

Uma das peças chave do cloud computing é a habilidade de construir clusters com interconexões de alta velocidade. Enquanto existem as conexões inter-computador especializadas, como Infiniband, alta velocidade da Ethernet de 10 Gb também está se tornando prática rapidamente , e tanto quanto novos hardwares de rede e gerenciamento diferentes especializados. Isso significa que as altas capacidades de clusters podem ser construídas com um custo menor.

Ao mesmo tempo, a AMD anunciou um novo supercomputador planejado basedo na computação de uso geral com processadores gráficos commodity.  Isso tem muitos usos potenciais, mas a AMD em particular está olhando para a sua nova máquina fornecer computação de alto desempenho diretamente ao consumidor de jogos e gráficos.

Arquiteturas baseadas em cluster usando Ethernet de 10GB, construída por supercomputadores baratos construídos em processadores gráficos de commodity, combinam para criar um ambiente de alta capacidade computacional barata ao consumidor. Estas arquiteturas têm implicações dramáticas para jogos, vídeo doméstico e computação baseada em redes.

Olá visitante

Você precisa cadastrar-se no InfoQ Brasil ou para enviar comentários. Há muitas vantagens em se cadastrar.

Obtenha o máximo da experiência do InfoQ Brasil.

Dê sua opinião

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber menssagens dessa discussão
Comentários da comunidade

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber menssagens dessa discussão

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber menssagens dessa discussão

Dê sua opinião

Conteúdo educacional

Feedback geral
Bugs
Publicidade
Editorial
InfoQ Brasil e todo o seu conteúdo: todos os direitos reservados. © 2006-2014 C4Media Inc.
Política de privacidade
BT