BT

Yahoo! Doa Traffic Server para Apache

por Abel Avram , traduzido por Fábio Henrique em 16 Nov 2009 |

Shelton Shugar, SVP Cloud Computing do Yahoo!, anunciou a doação do Traffic Server (TS), um HTTP Cache Server para a Apache, durante sua palestra na Conferencia Internacional de Cloud Computing.

Adquirido junto a Inktomi em 2003, o Traffic Server é atualmente utilizado pelo Yahoo! em seu ambiente de produção como um HTTP/1.1 caching proxy server, ofertando cerca de 30 bilhões de objetos web e mais de 400 TB de dados por dia. O TS processa em torno de 35.000 RPS a partir de um único servidor de 8 Cores. Depois de ser por vários meses uma proposta na Incubadora de Projetos Apacheo TS tornou-se um Projeto Incubado visando se tornar um Projeto Apache semelhante ao que aconteceu com o Hadoop, um outro projeto inspirado no MapReduce do Google no qual o Yahoo! contribuiu fortemente.

Além de ser um cache server, o TS oferece gerenciamento de sessão e configuração, balanceamento de carga, autenticação e roteamento. Este possui uma API externa que pode ser estendida através de plug-ins, de acordo com Shugar o TS deverá ser um grande atrativo para os fornecedores de Cloud:

As empresas interessadas no uso do TS serão empresas fornecedoras de Cloud e os usuários deste serviço. Estes irão entender o real valor do Traffic Server e o que ele será capaz de fazer por elas.

Comentando sobre a sua importância, Cindy Borovick, VP de Pesquisa da Datacenter Networks, acrescentou:

sto é tudo sobre como tornar a plataforma de Cloud do Yahoo atraente aos desenvolvedores. Por ofertar um Traffic Server de código aberto, o Yahoo está dizendo que uma infra-estrutura de rede é importante e esta plataforma de rede inteligente irá criar uma melhor experiência ao usuário final e como resultado direcionar o cliente há confiar neste produto. Não é simplesmente um item de negociação para com o cliente, mas sim um verdadeiro valor agregado.

Os objetivos iniciais do Yahoo! para com o TS Open Source é adicionar suporte ao ambiente 64-bits, suporte a plataforma Unix já que atualmente o TS somente possui versões para Linux, adicionar novas funcionalidades como CARP, HTCP, ESI, suporte IPv6 nativo, e futuramente melhorar a sua performance.

A equipe inicial de desenvolvedores que trabalham no TS são funcionários do Yahoo!, mas outros desenvolvedores já manifestaram total interesse em trabalhar neste projeto. O código fonte não possui dependências externas com exceção de bibliotecas padrões como BDB, OpenSSL, TCL, STL, glibc e expat.O código fonte vem acompanhado de um Administrator’s Guide e um SDK Programming Guide.

Olá visitante

Você precisa cadastrar-se no InfoQ Brasil ou para enviar comentários. Há muitas vantagens em se cadastrar.

Obtenha o máximo da experiência do InfoQ Brasil.

Dê sua opinião

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber mensagens dessa discussão
Comentários da comunidade

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber mensagens dessa discussão

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber mensagens dessa discussão

Dê sua opinião

Conteúdo educacional

Feedback geral
Bugs
Publicidade
Editorial
InfoQ Brasil e todo o seu conteúdo: todos os direitos reservados. © 2006-2014 C4Media Inc.
Política de privacidade
BT