BT

Rhodes 1.5 permite usar Ruby para escrever aplicativos para Smartphones - e agora para iPad

por Mirko Stocker , traduzido por Herbertt Bamonde em 05 Abr 2010 |

Rhomobile, empresa por trás do framework Rhodes que permite aos desenvolvedores escreverem aplicações nativas para quase todas as plataformas de smartphones usando Ruby, lançou recentemente a versão 1.5. As aplicações são escritas uma única vez e compiladas para as plataformas disponíveis. Atualmente as plataformas suportadas são: iPhone, Blackberry, Windows Mobile, Symbian e Android; existem também planos para suportar Intel, Nokia MeeGo e Palm Web OS no futuro.

Mas com o HTML 5 nos horizontes, porque as pessoas utilizarão código nativo em suas aplicações? Nós perguntamos isso para Adam Blum, CEO da Rhomobile:

Nós gostamos do HTML 5 e você pode usar HTML 5 nas views de suas aplicações nativas desenvolvidas em Rhodes. Mas sempre haverá a necessidade de instalar aplicações nativas para tirar vantagens das capacidades do dispositivo, a grande maioria não seria possível com tags HTML. Além disso, o suporte do framework Rhodes para sincronização automática de dados local torna muito mais fácil construir aplicações offline, dados desconectados para o usuário são possíveis apenas com o suporte do SQL HTML 5. O sucesso da App Store do iPhone em um dispositivo com um bom browser demonstra uma demanda maior por aplicativos nativos para seus smartphones.

Um novo post no blog da empresa descreve o que distingue o Rhodes dos outros frameworks como PhoneGap:

  • Model-view-controller para smartphones, com gerador Rails-like para apps e models, incluindo um ORM.
  • Dados offline sincronizados, permite com facilidade que todos os daso estejam disponíveis mesmo offline e editáveis.
  • Serviço de hospedagem para desenvolvimento no RhoHub, então você não precisa instalar diferentes SDK’s.

As aplicações em Rhodes são escritas em HTML e Javascript para a Interface e Ruby. Com Ruby, é até possível usar RubyGems (Gems com extensões nativas obviamente não funcionarão, mas Rhodes suporta algumas Gems nativas como net/http(s), JSON, REXML, crypt, openssl). Utilizando aplicações nativas, você pode acessar o GPS, contatos PIM, câmera, e outros dispositivos de hardware que não são acessíveis de uma aplicação web pura.

No último release Rhodes 1.5 foram feitas algumas melhorias como “geomapeamento nativo para android”, “resolução de tela nativa para iPad”, e suporte para splash screens.

O Rhodes pode ser usado gratuitamente sob a licença GPL ou ser comprado por $500 por-aplicação-licença. Uma lista de aplicações feitas com Rhodes pode ser encontrada, por exemplo, a Wikipedia para iPhone foi desenvolvida com Rhodes, “aproximadamente 20% do código deles foi escrito em Objective C para iPhone”.

Olá visitante

Você precisa cadastrar-se no InfoQ Brasil ou para enviar comentários. Há muitas vantagens em se cadastrar.

Obtenha o máximo da experiência do InfoQ Brasil.

Dê sua opinião

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber mensagens dessa discussão
Comentários da comunidade

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber mensagens dessa discussão

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber mensagens dessa discussão

Dê sua opinião

Conteúdo educacional

Feedback geral
Bugs
Publicidade
Editorial
InfoQ Brasil e todo o seu conteúdo: todos os direitos reservados. © 2006-2014 C4Media Inc.
Política de privacidade
BT