BT

New Relic lança o RPM para .NET e PHP

por Abel Avram , traduzido por Ademir Constantino em 19 Out 2010 |

A New Relic lançou duas variantes de sua ferramenta de performance: RPM para .NET e RPM para PHP. O RPM oferece monitoramento de performance e análise para aplicações web rodando em em seus servidores ou na nuvem.

A ferramenta de performance chamada RPM é uma solução SaaS para empresas interessadas em monitorar, solucionar problemas, profiling de thread e capacidade de configurar as aplicações para fazer deploy localmente ou na nuvem.

O RPM tem dois componentes básicos: um agente rodando uma aplicação em forma de plug-in e um serviço hospedado pelo data center da New Relic. O agente coleta os dados de performance e envia isto assincronamente uma vez por minuto via HTTP ou HTTPS para o serviço RPM onde está armazenado ou processado. O serviço faz o resto do serviço: armazenamento de dados, agregação, correlação e visualização. Dados performáticos são acessados através do browser. A New Relic não oferece a escolha de rodar o serviço localmente,  o serviço pode ser executado apenas no DataCenter da própria empresa.

O agente coleta a informação no tempo de resposta, throughtput, tempo de transação, chamada de banco de dados, tarefas em background e outras métricas. Usando o agente não é necessária a modificação do código.

O deploy da aplicação monitorada pode ser feito no data center do cliente ou na nuvem: Amazon, Engine Yard, Heroku, Gigaspaces, GoGrid, etc. Os dados coletados podem ser visualizados por instância da aplicação, por host ou por clusters de hosts. O RPM para Ruby on Rails tem um modo desenvolvedor, os dados brutos de desempenho são salvos localmente e podem ser usados por desenvolvedores para testar a performance de suas aplicações na fase de desenvolvimento.

Iniciada em 2008, a New Relic ofereceu RPM para Java e RPM para Ruby on Rails no começo, e agora a empresa anunciou o RPM para .NET e PHP. O RPM para .NET pode ser usado para monitorar a performance do CLR, DBs, ASP.NET,  MVC2, WCF e transações externas. O RPM para PHP é atualmente um produto beta focando em aplicações PHP tendo as mesmas capacidades das versões para Java e Ruby on Rails. O RPM para PHP suporta as plataformas Drupal, MySQL, PostgreSQL e Wordpress.

Olá visitante

Você precisa cadastrar-se no InfoQ Brasil ou para enviar comentários. Há muitas vantagens em se cadastrar.

Obtenha o máximo da experiência do InfoQ Brasil.

Dê sua opinião

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber menssagens dessa discussão
Comentários da comunidade

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber menssagens dessa discussão

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber menssagens dessa discussão

Dê sua opinião

Conteúdo educacional

Feedback geral
Bugs
Publicidade
Editorial
InfoQ Brasil e todo o seu conteúdo: todos os direitos reservados. © 2006-2014 C4Media Inc.
Política de privacidade
BT