BT

PhoneGap chega à versão 1.0, expandindo o desenvolvimento multiplataforma para mobile

por Rodrigo Urubatan em 03 Ago 2011 |

Durante o evento PhoneGap Day, no final de julho, em Portland (EUA), foi anunciada a versão 1.0 do PhoneGap, um framework de código aberto para desenvolvimento de aplicações móveis com suporte a sete das principais plataformas mobile no mercado e suas lojas virtuais.

O PhoneGap possibilita criar e publicar aplicações para iOS, Android, Symbian, Windows Mobile, WebOS, BlackBerry OS e Bada (e em breve Windows Phone), através de tecnologias como HTML, CSS e JavaScript. O framework cria uma aplicação nativa para o dispositivo móvel, permitindo acesso a recursos nativos como GPS ou acelerômetro.

Baixado cerca de 40 mil vezes por mês, o PhoneGap já contabilizou mais de 600 mil downloads. Entre os destaques deste release em relação a versões beta já em uso, estão:

  1. Aumento de estabilidade da API e uma arquitetura “plugável” pemitindo a criação de extensões a API quando necessário.
  2. Compatibilidade com a API de acesso a dados definida pelo W3C
  3. API de manipulação de contatos
  4. Ferramentas para depuração remota

Além destes destaques, o framework disponibiliza uma API unificada para desenvolvimento de aplicações em todas as plataformas suportadas. Entre os recursos oferecidos via APIs, estão:

  1. geolocalização, permitindo consulta instantânea e notificação quando a posição é alterada.
  2. recursos multimídia, permitindo captura e reprodução de áudio, vídeo e fotos
  3. integração com o sistema notificações e o sistema de avisos do dispositivo
  4. storage, simulando um banco de dados SQL ou utilizando o próprio SQLite quando disponível
  5. local storage, que facilita o armazenamento local de configurações ou poucos dados, no estilo "chave=valor"
  6. acesso a informações sobre o dispositivo, como estado da conexão, modelo e eventos do ciclo de vida da aplicação.

A release 1.0 também inclui uma nova forma de implementação que tornará mais fácil a adição de novas plataformas em futuras versões.

O PhoneGap já está sendo utilizada por grandes empresas. A Adobe, por exemplo, integrou o framework ao DreamWeaver, tornando possível criar aplicações PhoneGap e testar em emuladores iOS e Android diretamente a partir do editor. Também existe um acordo entre a Apple e equipe do PhoneGap, que permite a publicação de aplicações desenvolvidas com o framework na Apple App Store.

Para as próximas versões, está planejado o suporte a outras plataformas e novas APIs, para acesso a funcionalidades como calendário, websockets e criptografia, entre outras. Mais detalhes sobre o projeto e os planos da equipe podem ser conferidos no roadmap.

Olá visitante

Você precisa cadastrar-se no InfoQ Brasil ou para enviar comentários. Há muitas vantagens em se cadastrar.

Obtenha o máximo da experiência do InfoQ Brasil.

Dê sua opinião

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber menssagens dessa discussão
Comentários da comunidade

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber menssagens dessa discussão

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber menssagens dessa discussão

Dê sua opinião

Conteúdo educacional

Feedback geral
Bugs
Publicidade
Editorial
InfoQ Brasil e todo o seu conteúdo: todos os direitos reservados. © 2006-2014 C4Media Inc.
Política de privacidade
BT