BT
x A sua opinião é importante! Por favor preencha a pesquisa do InfoQ sobre os seus hábitos de leitura!

Visual Studio 11: Novas características para linguagens de programação

por Jeff Martin , traduzido por Adalberto Zanata em 05 Dez 2011 |

S. Somasegar, vice-presidente do Departamento de Desenvolvimento da Microsoft, apresentou recentemente novas características para linguagens de programação que virão no futuro Visual Studio 11. Veja as mudanças previstas para cada linguagem.

JavaScript

Versões anteriores do Visual Studio têm incluído suporte ao JavaScript, mas a intenção no Visual Studio 11 é melhorar ainda mais esse suporte, colocando o JavaScript no mesmo patamar das linguagens de primeira linha: C#, Visual Basic e C++. As melhorias antecipadas para o JavaScript incluem:

  1. Suporte ao padrão ECMAScript 5;
  2. O IntelliSense, funcionalidade que auxilia o desenvolvedor a autocompletar trechos do código, apresenta agora mais precisão e melhor desempenho para arquivos maiores;
  3. O suporte a depuração para JavaScript equipara-se agora com o que é oferecido para as outras linguagens do Visual Studio, incluindo janelas de depuração que suportam a interação com o aplicativo sendo depurado;
  4. O DOM Explorer permite examinar e manipular o Modelo de Objetos (DOM) de uma página HTML.

Houve ainda a adição de um REPL (Read-Evaluate-Print Loop) para o desenvolvimento JavaScript. Isso traz aos desenvolvedores um ambiente interativo com o qual se pode escrever código e interagir com aplicativos em execução. O REPL cria um ambiente que não necessita ser reiniciado em um típico ciclo "escreve-compila-executa". A codificação é feita em fragmentos, e cada fragmento se encaixa no anterior. Até agora, para a maioria dos programadores .NET, o SQL era a única linguagem para a qual havia esse recurso.

Visual Basic/C#

O suporte à programação assíncrona será integrado ao C# 5 e ao Visual Basic 11, as novas versões dessas linguagens que virão no Visual Studio 11. A utilização de código assíncrono nas versões anteriores trazia dificuldades de logística em implementação e depuração. O Visual Studio 11 traz melhorias nessas duas áreas. Fornece novos recursos nas linguagens que permitem o uso de fluxos de controle tradicionais (laços, condicionais etc.) em conjunto com código assíncrono; além disso, inclui a capacidade de depurar essas declarações com o depurador integrado.

C++

O desenvolvimento com C++ receberá melhorias importantes no Visual Studio 11. Estas incluem maior suporte do IDE (por exemplo, realce de referências e colorização semântica), e a capacidade de construir aplicativos nativos do Windows Metro.

Há maior ênfase no suporte à escrita de código paralelo, utilizando a tecnologia AMP do C++ (paralelismo acelerado em grande escala). O AMP do C++ foi anunciado em junho de 2011, no AMD Fusion Developer Summit. O Visual Studio 11 provê a capacidade de depurar aplicativos utilizando o AMP diretamente.

O desenvolvimento de código paralelo é aperfeiçoado ainda mais pelo compilador C++, que detectará o código apropriado para efetuar melhorias de velocidade, com os recursos de autovetorização e a autoparalelização.

F#

O Visual Studio 11 traz também o F# 3.0 e a funcionalidade Type Provider, um componente que fornece tipos, propriedades e métodos para uso em programas. Esse mecanismo evoluiu em resposta à necessidade de fazer uma ponte entre linguagens estaticamente tipadas (como F#) e os dados cada vez mais dinâmicos da web.

Os Provedores de Tipos simplificam a inclusão de várias bibliotecas de acesso a dados, sem a necessidade de recorrer ao uso de geradores de código. O F# 3.0 irá suportar OData, WSDL e SQL como mecanismos externos, mas também será possível escrever provedores de tipos personalizados.

Como o F# é parte do framework .NET, a nova funcionalidade não está restrita a essa linguagem. Todas as linguagens gerenciadas, incluindo C# e Visual Basic, serão capazes de utilizar os Type Providers.

Olá visitante

Você precisa cadastrar-se no InfoQ Brasil ou para enviar comentários. Há muitas vantagens em se cadastrar.

Obtenha o máximo da experiência do InfoQ Brasil.

Dê sua opinião

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber mensagens dessa discussão
Comentários da comunidade

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber mensagens dessa discussão

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber mensagens dessa discussão

Dê sua opinião

Conteúdo educacional

Feedback geral
Bugs
Publicidade
Editorial
InfoQ Brasil e todo o seu conteúdo: todos os direitos reservados. © 2006-2014 C4Media Inc.
Política de privacidade
BT