BT

Novidades no webOS: Enyo 2.0 open source; mais compatibilidade e ferramentas

por Abel Avram , traduzido por Eder Ignatowicz em 27 Jan 2012 |

A HP divulgou recentemente mudanças que buscam ampliar o alcance do webOS: a adoção do kernel padrão do Linux, o porte do framework de desenvolvimento Enyo para os principais navegadores web e a liberação do Enyo 2.0 como open source.

O Enyo é um framework JavaScript orientado a objetos, criado inicialmente para o webOS e o WebKit, que foi retrabalhado para permitir execução nos browsers Chrome, Safari, Internet Explorer e Firefox, tanto nas suas versões desktop quanto mobile. Na versão 2.0, o kit de interfaces gráficas (UI kit) foi temporiamente retirado, pois necessitará de mais tempo para execução em todos os browsers; mas está prevista sua inclusão dentro de um mês.

A filosofia do Enyo é possibilitar o desenvolvimento de grandes aplicações baseadas na arquitetura de componentes. Vários exemplos mostrando o código e os resultados no browser podem ser acessados em Enyo Samples. O núcleo das funcionalidades do Enyo cabe em um arquivo zip de 13 KB. O tamanho reduzido torna o framework uma boa opção para o desenvolvimento mobile.

Aplicações baseadas no Enyo podem tamém ser executadas nativamente em iOS, Android e WP7, através do PhoneGap, conforme demonstrado neste exemplo. Outro exemplo foi criado por um desenvolvedor independente, que portou a aplicação Paper Mache para o Android e a publicou no Android Market.

A HP detalhou também os próximos passos para o webOS:

  • O lançamento de uma distribuição do WebKit com suporte a HTML5 (incluindo Canvas e texturas 3D), Flash e Silverlight, e com suporte a interfaces gráficas multi-toques.
  • O webOS passará a usar o LevelDB, um banco de dados NoSQL, embutido e open source do Google.
  • O Ares 2 suportará o Enyo 2. O Ares é uma IDE baseada no browser, para desenvolvimento de aplicações para o webOS e com suporte a funções de arrastar e soltar.

Em 9 de dezembro de 2011, a HP comunicou que abriria o código do webOS. E recentemente detalhou o plano geral de lançamentos para os próximos meses. O Open webOS 1.0, o primeiro release estável do webOS open source, está previsto para lançamento em setembro deste ano.

Olá visitante

Você precisa cadastrar-se no InfoQ Brasil ou para enviar comentários. Há muitas vantagens em se cadastrar.

Obtenha o máximo da experiência do InfoQ Brasil.

Dê sua opinião

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber menssagens dessa discussão
Comentários da comunidade

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber menssagens dessa discussão

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber menssagens dessa discussão

Dê sua opinião

Conteúdo educacional

Feedback geral
Bugs
Publicidade
Editorial
InfoQ Brasil e todo o seu conteúdo: todos os direitos reservados. © 2006-2014 C4Media Inc.
Política de privacidade
BT