BT

Bootstrap 2.2: primeira versão da era pós-Twitter

por Eder Magalhães em 01 Nov 2012 |

Foi anunciado o Bootstrap 2.2, a nova versão do framework para desenvolvimento de front-ends para web. Essa é a primeira versão após os criadores do projeto deixarem o Twitter. O Boostrap 2.2 disponibiliza melhorias nos componentes atuais, um novo componente para gerenciamento de mídias, melhorias na documentação e diversas correções de bugs. O volume de implementações da nova versão é alto: no Github do projeto, foram fechados 72 issues.

Conheça algumas das principais funcionalidades implementadas:

  • Novos templates. Foram adicionados quatro novos templates na documentação do projeto: um modelo leve e eficaz para pequenos projetos de comércio (narrow marketing); uma página de login; um rodapé fixo na barra inferior da página (sticky footer); e um "carrossel" para o fundo de página (carousel jumbotron). Todos esses templates estão acessíveis na seção de exemplos da documentação;
  • Novo componente. Agora é possível adicionar mídias externas, como vídeo, aúdio e imagens, no componente media.
  • Escala de tipografia. Foi criada uma nova variável para definir escalas de tipografia baseada em variáveis do LESS (@baseFontSize e @baseLineHeight).
  • Redimensionar componentes. Há novas váriaveis para melhor controle na definição dos tamanhos de botões e inputs.
  • Menus e submenus. Melhorias no dropdown e suporte a "dropup" nos menus e na barra de navegação.
  • Plugins JavaScript. Os plugins JavaScript utilizados pelo Bootstrap foram atualizados para compatibilidade com jQuery 1.8.1.
  • Instalação. Foi adicionado suporte a instalação do Bootstrap através da ferramenta Bower.

Inicialmente, essas mudanças estavam planejadas para a versão 2.1.2, mas devido ao longo tempo decorrido e a mudanças no escopo, a escolha dos criadores foi já lançar a versão 2.2.

Em um post no blog do Bootstrap, em setembro, os criadores Mark Otto e Jacob Thornton anunciaram suas saídas do Twitter. Aproveitaram o anúncio para informar que os trabalhos na evolução do Bootstrap continuariam, e indicaram que um dos passos seguintes seria mover o Bootstrap para estrutura própria no Github; atualmente, o projeto é mantido como subprojeto do Twitter.

A comunidade pode acompanhar a evolução do Bootstrap através do seu Github e da contaTwitter do projeto.

Olá visitante

Você precisa cadastrar-se no InfoQ Brasil ou para enviar comentários. Há muitas vantagens em se cadastrar.

Obtenha o máximo da experiência do InfoQ Brasil.

Dê sua opinião

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber menssagens dessa discussão

Uso e recomendo! by Benjamim Marcos de Castro Junior

Eu sempre tive dificuldade em criar a parte do front-end, mas com estes bootstrap ajudou e muito a fazer interfaces que funcionem tanto em navegadores convencionais (IE,FireFox,Opera...), como em Tablets e celulares. Fora a documentação que ajuda muito. Eu considero por baixo, que a produtividade sobe uns 50%. Um exemplo que estou implementando com a versão anterior do Bootstrap está no endereço: 54.232.125.243/MonitoringUI/Settings - se vc for em themes, pode mudar o tema.

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber menssagens dessa discussão

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber menssagens dessa discussão

1 Dê sua opinião

Conteúdo educacional

Feedback geral
Bugs
Publicidade
Editorial
InfoQ Brasil e todo o seu conteúdo: todos os direitos reservados. © 2006-2013 C4Media Inc.
Política de privacidade
BT