BT

Google anuncia GWT 2.5: suporte a HTML5 e mais usabilidade

por Eder Magalhães em 08 Nov 2012 |

Foi anunciado o GWT 2.5 Final, a nova versão estável do kit de ferramentas para desenvolvimento web do Google. Nessa versão, o GWT disponibiliza novas funcionalidades, melhorias na usabilidade, redução no volume de código e do tamanho da aplicação no download inicial. A equipe do GWT também demonstra o interesse em tornar o kit uma solução para o desenvolvimento de aplicações web móveis.

O Google Web Toolkit (GWT) é um kit de ferramentas open source para o desenvolvimento de aplicações ricas para a web. É composto por um SDK (kit de desenvolvimento), incluindo um compilador de Java para JavaScript e bibliotecas de componentes de interface gráfica, além de integração com o lado servidor.

Como complemento ao SDK, há o GWT Designer, um IDE para desenvolvimento com GWT; e o Speed Tracer, uma extensão para o Chrome para análise de desempenho. Desenvolvedores que trabalham com o Eclipse IDE também contam com um plugin do Google para desenvolvimento GWT, com a capacidade de integrar a aplicação à plataforma de cloud do Google, o AppEngine.

Os destaques do GWT 2.5 são:

  • Super Dev Mode. O objetivo dessa funcionalidade é reduzir o atraso entre a compilação e a renderização no navegador. Ao se modificar o código, o GWT se encarrega de apresentar a mudança no navegador o mais rápido possível. Também permite que desenvolvedores façam depuração de código de forma interativa. O Super Dev Mode está em fase experimental, mas promete ser mais eficiente que seu antecessor, o Classic Dev Mode.
  • A Elemental é uma nova biblioteca do GWT projetada para suportar características do HTML5. Ainda em fase experimental, sua proposta é ser rápida e leve, e permitir que aplicações desenvolvidas com o GWT sejam acessadas de forma eficiente em dispositivos móveis.
  • Integração com Closure Compiler. Com objetivo de otimizar o conteúdo JavaScript gerado pelo compilador GWT, os engenheiros do Google implementaram a integração do kit com o Closure Compiler. Dessa forma, aplicações GWT contam com mais uma opção de compilador.
  • Melhorias no Code Splitter. O GWT define o Code Splitting, um recurso que permite fragmentar o código JavaScript e baixá-lo sob demanda, reduzindo o conteúdo do download inicial do aplicativo. A partir dessa versão, o Code Splitting consegue detectar e agregar fragmentos de código similares, tornando ainda menor o volume de código transmitido.
  • Biblioteca ARIA. Uma nova biblioteca cobre os padrões ARIA (Accessible Rich Internet Applications) para acessibilidade, estipulados pelo W3C. Essa biblioteca simplifica a configuração de regras, estados e propriedades ARIA para elementos DOM.
  • Melhorias em componentes e eventos. O GWT 2.5 adiciona extensões para o componente UIBinder, para suportar eventos de acordo com a renderização de Cell Widgets (componentes que representam dados com alta performance). Também foram introduzidos os tipos IsRenderable e RenderablePanel, que podem ser utilizados no lugar do HTMLPanel, para melhorar o tempo de processamento e reduzir a latência da interface com usuário.
  • Segurança. No GWT 2.5 foi implementada uma correção completa para uma vulnerabilidade de segurança descoberta na versão 2.4. Aplicativos desenvolvidos na versão 2.4 devem ser recompilados com o SDK da versão 2.5, para corrigir o problema.
  • Melhorias em validação. O GWT passa a suportar o padrão Bean Validation (JSR 303) que determina um conjunto de anotações para validação de dados.

Na página de download do GWT estão disponíveis a SDK e as ferramentas complementares do kit. O guia do desenvolvedor inclui tutoriais e documentação abrangente sobre os componentes e bibliotecas do GWT. Desenvolvedores podem também acompanhar as novidades e a evolução do projeto através do blog do GWT.

Olá visitante

Você precisa cadastrar-se no InfoQ Brasil ou para enviar comentários. Há muitas vantagens em se cadastrar.

Obtenha o máximo da experiência do InfoQ Brasil.

Dê sua opinião

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber menssagens dessa discussão
Comentários da comunidade

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber menssagens dessa discussão

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber menssagens dessa discussão

Dê sua opinião

Conteúdo educacional

Feedback geral
Bugs
Publicidade
Editorial
InfoQ Brasil e todo o seu conteúdo: todos os direitos reservados. © 2006-2013 C4Media Inc.
Política de privacidade
BT