BT

Duração ideal da iteração

por Vikas Hazrati , traduzido por Adrián Dantas em 01 Abr 2009 |

Uma das dúvidas freqüentes que ocorrem durante a adoção de uma metodologia ágil é relacionado à duração ideal de uma iteração. As equipes normalmente escolhem uma duração que varia de uma semana até dois meses. A escolha correta é uma decisão importante e o sucesso de uma implantação de uma metodologia ágil depende muito da duração de iteração. A seguir alguns evangelistas da Agilidade compartilharam seus pontos de vistas sobre os fatores que devem ser considerados para se fazer a escolha correta.

Clinton Keith sugere que equipes novas ao processo Ágil deveriam escolher iterações mais curtas porque isso as ajuda aprender e a validar o processo mais rápido. Segundo ele,

Equipes iniciantes em Agile muitas vezes querem que as iterações tenham a maior duração possível. Eu normalmente as desencorajo a fazerem isso porque essas equipes provavelmente tratarão a iteração como um mini projeto de desenvolvimento em cascata. Elas gastarão alguns dias projetando, algumas semanas criando código e recursos e depois integrando, testando e fazendo ajustes nos últimos dias da iteração. Equipes experientes fariam cada uma dessas atividades diariamente, o que é uma forma muito melhor de se trabalhar.

De acordo com Clinton, deve-se considerar os seguintes fatores para decidir qual será a duração de uma iteração.

  • Feedback do cliente – A quantidade mínima de tempo que o cliente precisa para fornecer feedback sobre o progresso realizado.
  • Experiência da equipe – se a equipe é inexperiente com Agile, a iteração deveria ser curta o suficiente para que a equipe aprenda mais rápido.
  • Sobrecarga causada por atividades de avaliação e planejamento – Deve-se contar com o fato de que normalmente se gasta um dia avaliando e planejando a iteração.
  • Capacidade de planejar a iteração – Se os objetivos da iteração são muito incertos então a iteração deve ser mais curta.
  • Intensidade balanceada – A intensidade do trabalho feito durante a iteração deve ser consistente.

Vikrama Dhiman sugeriu fatores similares para decidir a duração de uma iteração.. Ele também sugeriu que a duração também dependeria da capcidade do product owner de dividir a funcionalidade em estórias menores.. Estorias menores podem ser concluídas facilmente e testadas dentro de um ciclo iterativo menor. Ele inclui os seguintes benefícios adicionais de iterações curtas,

  • Sprints curtos tornam impossível se livrar das conseqüências de maus hábitos e conseqüentemente o aprendizado de certos bons hábitos torna-se mais interessante.
  • Sprints ou iterações curtas são difíceis para a equipe de gerência do produto, mas também são mais desejáveis porque eles permitem mudanças rápidas.
  • Sprints ou iterações curtas forçam avaliações contínuas, regulares e rápidas.
  • Sprints ou iterações curtas permitem com que a equipe estabeleçam uma velocidade empírica rapidamente.

Mike Cohn sugeriu os seguintes atributos durante a decisão de qual a duração apropriada para uma iteração:

  • Quantidade de incerteza –Quanto maior a incerteza, mais curta deve ser a iteração para lidar com esse cenário.
  • Por quanto tempo consegue-se manter as prioridades estáveis – Se as prioridades das estórias mudam dentro de uma iteração então tem-se um bom indicador de que a duração da iteração precisa ser reduzida.
  • Sobrecarga da iteração – Se o projeto depende de um teste de regressão ‘manual’ ao final de cada iteração então iterações curtas ficam mais caras.
  • Em quanto tempo se estabelece um senso de urgência – Se as iterações são longas demais então a equipe tende a ficar complacente na fase inicial da iteração e fica em sobrecarga no final. A chave é escolher uma duração que encorage a equipe a trabalhar numa velocidade constante.

Mike sugeriu usando sua experiência pessoal em várias equipes que iterações de duas semanas parece sem ser o tamanho ideal.. A sobrecarga de planejamento e teste é gerenciável e as equipes conseguem se manter num ritmo constante. Ele conclui com o seguinte conselho para as equipes ágeis:

Uma vez que você descobriu a duração apropriada da iteração, mantenha-se firme.. Equipes se beneficiam enormemente por manterem um ritmo em seus projetos. Qualquer duração de iteração que se mantenha regular pode prover ritmo. Isso não significa que não se deva experimentar durações diferentes, mas evite ficar alterando a duração das iterações se não houver um bom motivo.

Olá visitante

Você precisa cadastrar-se no InfoQ Brasil ou para enviar comentários. Há muitas vantagens em se cadastrar.

Obtenha o máximo da experiência do InfoQ Brasil.

Dê sua opinião

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber menssagens dessa discussão
Comentários da comunidade

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber menssagens dessa discussão

HTML é permitido: a,b,br,blockquote,i,li,pre,u,ul,p

Receber menssagens dessa discussão

Dê sua opinião

Conteúdo educacional

Feedback geral
Bugs
Publicidade
Editorial
InfoQ Brasil e todo o seu conteúdo: todos os direitos reservados. © 2006-2014 C4Media Inc.
Política de privacidade
BT